quarta-feira, 20 de junho de 2012

Estão abertas as inscrições para o festival de arte negra A Cena Tá Preta – ano IV!


A Cena Tá Preta – Ano IV acontece este ano de 09 a 18/11 e irá selecionar doze espetáculos nacionais e/ou internacionais de teatro, dança e música, de temática e/ou estética negra, e dois textos de teatro inéditos com temática negra para realização de duas leituras dramáticas. As inscrições são válidas até dia 31 de julho de 2012. 

A “Cena Tá Preta” nasceu em 2003 com a intenção de fortalecer, estimular e divulgar a criação artística que tenha como base a cultura afro-brasileira. Ninguém melhor para produzi-la que o Bando de Teatro Olodum, juntamente com o Coletivo de Produtores Culturais do Subúrbio, em parceria com o Teatro Vila Velha. Com efeito, o Bando, grupo de teatro negro criado há 21 anos, vem sistematicamente desenvolvendo projetos de formação, reflexão e promoção da Cultura Afro-brasileira. O Coletivo de Produtores Culturais do Subúrbio vem se destacando no cenário cultural, desde 2009, quando foi lançado o Festival de Teatro do Subúrbio, atividade voltada para o intercâmbio entre companhia de comunidade e grupos de reconhecida importância artística.

O evento contará  com a participação de artistas nacionais e internacionais, profissionais e amadores, colocando assim em diálogo diferentes realidades, pensamentos, experiências de produção e criação, dramaturgias, o que sem dúvida contribuirá para a criação de novos caminhos, novas redes, novas soluções. O artista negro luta para afirmação da sua arte e conquista de novos espaços, e esse festival é mais um instrumento para fortalecê-lo nessa conquista.

O festival é uma realização do Bando De Teatro Olodum, Teatro Vila Velha e o Coletivo de Produtores Culturais do Subúrbio em convênio com a Secretaria de Políticas de Promoção da Igualdade Racial - SEPPIR.


Curadoria
A equipe de curadoria irá construir a grade de programação por meio da seleção dos espetáculos inscritos, e também pela indicação de espetáculos, textos, filmes e oficinas de relevância artística e cultural que irão contribuir para a visibilidade e reconhecimento do evento. A seleção será feita seguindo critérios de qualidade artística e importância dos temas abordados escolhendo atividades que possam fortalecer as artes negras. Fazem parte da equipe a diretora Fernanda Júlia, o ator e diretor Hilton Cobra, Lázaro Ramos, ator revelado 1994 no Bando de Teatro Olodum, Marcio Meirelles, diretor artístico do Teatro Vila Velha e Zebrinha, coordenador coreográfico do Bando. 

Mais informações: www.acenatapreta.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário