sexta-feira, 20 de julho de 2012

Tomaladacá anuncia datas de agosto e planeja oficinas gratuitas


No último encontro do Tomaládacá aconteceu a apresentação do Grupo Boca de Cena, que apresentou um fragmento da peça do texto de Plinio Marcos "Onde as Maquinas Param". O grupo desenvolve o trabalho no Bairro da Massaranduba - Alagados.

No próximo encontro, no dia 28 de julho, ocorrerá a apresentação dos grupos Dispersos e Atentos, CETAS (Alagoinhas) e Metamoforse.

O Tomaladacá aproveita para anunciar que em agosto acontecem oficinas gratuitas para os grupos. As datas ainda estão sendo fechadas, mas fiquem atentos. Os encontros de agosto acontecem nos dias 11 e 25.

O Tomaladacá vem desenvolvendo, ao longo do ano, diversas atividades de intercâmbio artístico e técnico entre os grupos selecionados, os profissionais do Vila Velha e os artistas dos grupos residentes no teatro. Dessa forma, o projeto permite a apresentação desses grupos comunitários em mostras especiais, otimizando o potencial criativo e técnico através de oficinas, workshops, debates, seminários e palestras, aumentando a qualificação de seus participantes e incluindo-os como estagiários na área técnica e de produção.

O projeto fortalece ainda os grupos em suas comunidades, através de articulações com as associações de bairro ou pessoalmente, para que passem a vir assistir não apenas às suas apresentações, mas aos outros espetáculos do teatro, através de bônus ou da troca de desenhos ou textos, produzidos por eles, por ingressos.

Podem participar do projeto grupos artísticos amadores e em formação oriundos de comunidades, escolas, sindicatos e associações de bairros, terreiros e outros, de Salvador e do interior do estado. Os interessados em participar do Tomaládacá devem preencher o formulário de inscrição: http://ow.ly/9pR4M e confirmar presença através do e-mail: tvv.tomaladaca@gmail.com Não é necessário ter participado dos encontros anteriores para participar dos próximos.

O projeto conta com o apoio do PROCULTURA/FUNARTE pelo edital PROGRAMAÇÃO DE ESPAÇOS CÊNICOS, o Teatro Vila Velha tem patrocínio da PETROBRAS e conta com apoio do FUNDO DE CULTURA DO ESTADO DA BAHIA no programa APOIO ÀS AÇÕES CONTINUADAS DE INSTITUIÇÕES CULTURAIS. O Teatro Vila Velha é reconhecido pelo MINC como PONTO DE CULTURA e recebeu a medalha do MÉRITO CULTURAL DA PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA em 2009, pelos 45 anos de serviços à cultura nacional.

Nenhum comentário:

Postar um comentário