segunda-feira, 8 de outubro de 2012

Grupo Motus encerra programação do Fiac no Vila




Com uma mistura de música, teatro e dança, o grupo italiano Motus encerrou a programação do 5º Festival Internacional de Artes Cênicas da Bahia (Fiac Bahia) com o espetáculo Alexis. Una Tragedia Greca, ontem à noite, no Teatro Vila Velha. Usando os recursos da tecnologia e elementos do teatro físico, a peça teve como mote o assassinato de Alexandros Grigoropoulos (Alexis). Em 2008, com apenas 15 anos, Alexis foi morto pela polícia no distrito central de Exárchia, em Atenas, na Grécia. No palco, os atores Vladimir Aleksiv, Silvia Calderoni, Alexandra Sarantopoulou e Massimiliano Rassu mostraram uma atuação repleta de metalinguagem. O texto foi assinado por Enrico Casagrande e Daniela Nicolò. Daniela também dirigiu o espetáculo.

A 5ª edição do Fiac movimentou a cena cultural de Salvador entre os dias 28 de setembro e 7 de outubro. O evento teve em sua programação espetáculos de teatro, dança e atividades formativas. “O Fiac é uma iniciativa interessante porque atende a todos os públicos, do infantil ao adulto. Os preços dos espetáculos foram bem acessíveis e o fato de oferecer oficinas foi um diferencial”, elogiou o ator e professor de teatro, André Cardoso, 19 anos.

Texto: Raulino Júnior
Foto: Pierre Borasci

Nenhum comentário:

Postar um comentário