quarta-feira, 26 de maio de 2010

Justiça

"Eu sofri muito, mas agora estou feliz. Muito obrigada. Vamos continuar nos lembrando de Glauber com toda a sua genialidade e com todos os seus defeitos. Que ele, onde estiver, participe desta festa"

As palavras são de dona Lúcia Rocha, mãe de Glauber Rocha, que acaba de ser declarado anistiado político pós-mortem. A família, representada no julgamento que acaba de se encerrar no Teatro Vila Velha pela mãe, filhos e viúva, recebeu o pedido de desculpas oficial do estado, representado pelo presidente da Comissão de Anistia do Ministério da Justiça, Paulo Abrão. A família também passa a ter direito a indenização continuada, no valor de R$ 2 mil por mês.

A decisão foi tomada por unanimidade dos votos dos conselheiros Luciana Aguiar, Prudente de Melo e Ana Guedes. Foi testemunha o Ministro da Cultura Juca Ferreira.

Nenhum comentário:

Postar um comentário