sexta-feira, 24 de agosto de 2007

O que é? O que é?

O que é ? O que é? Começa com carol e termina com ina? é o musical infantil da diretora Zeca de Abreu, vencedora do prêmio Braskem de Teatro em 2003 com o espetáculo infantil H20 – Uma fórmula de amor.

A peça conta a história de Carol, uma menina que perdeu a mãe e que sofre com as implicâncias das três filhas de sua madrasta, o musical apresenta noções de valores para os pequeninos. Querendo sair do mundo real de onde vive, Carol começa a entrar em um mundo imaginário, no qual conhece novos amigos e descobre que não poderá fugir das ameaças e sim, enfrentá-las.

Para Sheila Costa, que interpreta uma das personagens da peça, a oficina dirigida por Zeca foi uma experiência única em sua vida, “Eu trabalhava no Vila já tinha um tempo e nunca tinha feito nada em teatro, sendo que desde os tempos de colégio queria atuar, na oficina de Zeca comecei trabalhando como assistente e depois passei para o palco”. Sheila, ex-estagiária do Núcleo de Comunicação do Vila, conta que a maioria dos participantes da oficina eram iniciantes, o que facilitou a integração do pessoal, principalmente quando Zeca ficou doente e o grupo sozinho teve que se unir para fazer o musical. Afinal, como já dizia Chico Buarque, “o espetáculo não pode parar”.

“Zeca foi guerreira do inicio até o fim da oficina, primeiro porque ela ficou doente, teve alta e voltou a nos dirigir, depois ela teve que voltar para o hospital e segundo porque ela pegou uma oficina apenas com iniciantes”, elogia Sheila.

Outra figura do Vila que passou dos bastidores para a cena foi Maiana Santana, que agora se aventura também no mundo das acrobacias em tecido!

A montagem do grupo Trupe da Zequinha, integra o projeto 'O que cabe neste palco', a peça é voltada para o público infanto-juvenil, o que não impede das outras faixas-etárias poderem conferir esse espetáculo estrelado por diversos novos atores.

O que é, o que é? Começa com Carol e termina com ina?
Sábado e domingo - 16 horas
Dias: 25 e 26 de agosto
R$ 10,00 a inteira e R$ 5,00 para estudantes

3 comentários:

  1. Maiana Santana28/8/07 09:18

    Eu confesso que não concluí a oficina de Zeca em função de alguns problemas que surgiram na época, mas ao saber da proposta de levar o espetáculo que foi baseado na mostra da oficina para o palco do Vila, me interessei em fazer a produção. A partir daí surgiu a oportunidade de compor o elenco da Trupe da Zequinha.
    Estou apaixonada pela magia do fazer teatro. Tenho muito o que aprender dessa arte. Vou me doar cada dia mais, pois tenho sede.
    Foi maravilhoso dar os primeiros passos de uma longa estrada no palco do Vila. Sou feliz por fazer parte da história desta respeitável casa de espetáculo - primeiro como funcionária, durante sete anos nos bastidores, e agora como artista, no palco principal com o espetáculo "O que é? O que é? Começa com Carol e termina com ina?".
    Dá uma dor no coração, só em pensar que sábado não teremos apresentação. :(
    Durante essas três semanas de apresentações, conseguimos um público a nossa altura, sendo 70 pessoas pagando inteira, 285 pagando meia, 153 pagando bônus, 07 (convidados) do projeto Tomaladacá e 278 convidados, resumindo 793 PESSOAS nos assistindo, e fechamos com chave de ouro - com a melhor bilheteria da temporada!
    Estamos de parabéns, pois acreditamos, confiamos e com muita ousadia colocamos em prática o nosso sonho... o nosso desejo... o nosso prazer.
    A Trupe da Zequinha hoje é composta por atores amadores, porém todos com uma vontade enorme de crescer e aprender com cada obstáculo encontrado. Somos felizes, o universo nos presenteou com coisas maravilhosas como: texto de Elísio Lopes, figurino de Adriana Hitomi, cenário de Lorena Torres Peixoto, música de Richard Meyer, coreografia de Sandra Santana, iluminação de Fábio Espírito Santo, direção de Zeca de Abreu e o apoio de empresas importantes que contribuíram na realização do nosso espetáculo.
    Superamos várias barreiras, e hoje, graças a Deus, podemos gritar: CONSEGUIMOS!!!
    Isso que vivemos é o início de uma longa estrada.
    Merda para Nós!
    Beijo grande!!!

    ResponderExcluir
  2. É por isso que eu sempre digo que NADA acontece por acaso... quem diria que o resultado de uma oficina de dois meses fosse render uma nova Companhia de Teatro? Tantos apertos, tantas dificuldades... mas em momento nenhum pensamos em desistir! A energia do grupo foi o fator determinante para conseguirmos manter a fé e a coragem! A energia de Zeca então... sem comentários! Essa daí nem no hospital sossegou! rsss. Inclusive foi lá que surgiu a idéia de amadurecer o grupo e colocar a peça em cartaz! Com muita atitude, arregaçamos as mangas e colocamos a mão na massa! E hoje, é com um imenso prazer que eu digo que faço parte da Companhia de Teatro Trupe da Zequinha!
    Estou muito feliz por estar podendo realizar este lindo projeto e, sobretudo, estreiando no Vila, onde trafego desde pequena entre platéia e bastidores..!
    Merda, merda, muita merda para todos nós!

    Juliana Valente

    ResponderExcluir
  3. Galera.

    Era uma vez....
    Não! .. desta vez não vou começar assim. Galera, o negocio é o seguinte: .Aqueles que contribuiu de uma forma direta ou indireta para a estréia da nossa da peça O que é? o que é Começa com Carol e termina com Ina........agradecemos de coração a presença de todos, a CRIANÇADA, aos amigos, familiares, parceiros, ao Teatro Vila Velha, aos Grupos residentes e funcionários, a Sandrinha, Adriana, Richard, Fabio Espírito Santo, Lorena, Rivaldo, Lina e também aos amigos ocultos que estava torcendo pela Trupe, neste momento de crescimento, buscas, conhecimentos , ânsia de mostrar o que aprendemos durante esse período de renuncias, determinação, perseverança, união, respeito e muita doação, a Trupe experimentando coisas novas com muita garra. Obrigado a nossa Diretora Zeca de Abreu, pela confiança e ousadia de dirigir novos atores . Nos acertos, encontros e desencontros aprendemos fazendo e vivenciando coisas novas. O importante é arriscar,.. sim,... arriscar sempre sem medo de SER FELIZ. Parabéns a todos que fez este Projeto acontecer.
    Esse é o inicio da nossa historia, entrou por uma porta, e....nos aguarde! aí vem mais. Obrigadooooooo!!!!!!!!
    Abraços.
    Ivete Leitao

    ResponderExcluir