terça-feira, 30 de agosto de 2016

Lazzo Matumbi retorna ao Palco do Vila com projeto de shows mensais


Em um convite à música, dança, reflexões sociais e empreendedorismo, o cantor e compositor Lazzo Matumbi, retorna ao palco do Teatro Vila Velha, onde iniciou sua carreira solo, com um novo projeto de shows mensais. Intitulado de ‘Nosso Jeito de Ser’, o evento sociocultural conta, nesta 1a edição, com a participação especial da cantora norte-americana Michaela Harrison, com quem Lazzo tece parceria artística há algum tempo: “Estamos sempre presentes um no show do outro. Trocamos muitas impressões sobre música e comparamos como vivem os negros no Brasil e nos EUA. Um intercâmbio cultural de altíssima qualidade”, conta o baiano. O repertório é dançante e traz grandes sucessos do artista considerado ‘a voz da Bahia’, além de releituras de canções gravadas por destaques da MPB.

A partir do conceito do emponderamento negro, o projeto levará, além do show de Lazzo, empreendedores ao foyer do Teatro Vila Velha para mostrar ao público um pouco dos seus produtos, serviços e história. “É uma espécie de pequena vitrine, um encontro entre o público e estes jovens empreendedores, que deixaram o mercado de trabalho formal e apostaram em suas próprias ideias, têm histórias de superação e forte capacidade de inovação”, destaca Alê Pinheiro, produtora do evento. A feira funcionará das 17 às 19 horas, é aberta ao público, mesmo aos que não entrarão para o show.

Sobre o novo projeto, Lazzo explica que “a ideia é fazer as pessoas se encontrarem a partir da força do amor e construção social. Que, embalados por boa música, posam suprir carências que os distanciam, sobretudo as causadas pelo stress da vida moderna”. E completa: “Este evento é uma oportunidade de estarmos juntos de forma doce e descontraída para falarmos das nossas demandas e sonhos, nos empoderarmos da nossa cultura e história, nos fazermos respeitados pelo ‘Nosso jeito de ser’. No palco principal do Vila, o show terá projeções feitas por VJ Gabiru, com imagens que retratam desde disputas raciais nos EUA e líderes da luta pelos pelos direitos civis às imagens do Brasil atual, como a Marcha do Orgulho Crespo e pedidos de mais tolerância religiosa.

 Lazzo Matumbi

Dono de uma rica musicalidade, que vai do samba ao jazz, passando por ritmos como o reggae, soul e tantos outros batuques de origem africana, Lazzo Matumbi é um dos maiores expoentes da música brasileira. Ao longo dos seus 35 anos de carreira, iniciados nos anos 70, quando se consagrou como cantor do Ilê Ayiê, coleciona grandes sucessos, a exemplo das canções ‘Alegria da Cidade’, ‘Do Jeito que seu Nego Gosta’, ‘Me Abraça e me Beija’ e ‘Abolição’. Nos anos 90, fez turnê mundial ao lado de Jimmy Cliff e depois regressou ao Brasil para gravar seu disco solo. Até hoje encanta plateias pelo mundo com sua voz marcante e interpretações cheias de emoção, todas feitas com groove inconfundível e personalizado.
Artista que há muito se posiciona de forma contundente sobre questões sensíveis do Brasil, tais como o racismo e a desigualdade social, o trabalho de Lazzo é matricial, prima pela valorização da cultura afro-brasileira. Recentemente, por sua trajetória, o Senado Federal indicou seu nome para ser
agraciado com a Comenda Senador Abdias Nascimento, título entregue anualmente a personalidades brasileiras que contribuem para a proteção e promoção da cultura afro no país. A cerimônia de entrega desta Comenda acontecerá em novembro, durante mês da Consciência Negra, em Brasília.


Serviço:

‘Nosso Jeito de Ser’ – Show e projeto sociocultural de Lazzo Matumbi.
Participação especial da norte-americana Michaela Harrison.
Data: 7 de setembro de 2016, às 19h.
Local: Teatro Vila Velha (Av Sete de Setembro, s/n, Passeio Público, Salvador)
Valor: R$ 40,00 (inteira)

Nenhum comentário:

Postar um comentário