sábado, 17 de dezembro de 2016

Shirley dá a luz no palco do Vila

 


A apresentação do espetáculo Romeu & Julieta, na última sexta-feira, teve uma participação especial. Numa cena em que havia muito ruído, e luz forte, o som ambiente das ruas de Verona ganhou latidos altos, vindos de longe. Natural. Toda cidade tem seus cachorros, e nas cidades das obras de Shakespeare não era diferente. Mas aqueles latidos não estavam ensaiados, e não tinham acontecido na estreia, nem nas apresentações seguintes. O fato é que na terceira galeria do Vila, lá no alto, onde não havia ator nem público, a cadela Shirley, habitante do Passeio Público, onde fica o teatro, havia dado a luz, nesse mesmo dia, a dez cachorrinhos, e estava protegendo as suas crias da turbulenta Verona.  

Pois bem. O nosso palco já foi palco de muitos acontecimentos. Momentos históricos, espetáculos, festivais, programa de televisão, desfiles, homenagens, premiações, acidentes, celebrações, debates, protestos - até casamento! - mas faltava ao Vila um parto. Eis que Shirley escolhe o Teatro Vila Velha para este momento mais que especial na vida de qualquer ser vivo. Mais simbólico, e poético, seria difícil. 

A entrada de Shirley se deu forçando um dos tubos de ar condicionado, que permitem a refrigeração da sala principal a partir da terceira galeria. O resgate da mãe e seus filhotes aconteceu hoje, sábado, após investida da atriz e diretora Zeca de Abreu, que providenciou os aparatos técnicos e buscou aliados para conseguir tirar a família em segurança, já que o palco do Vila não poderia ser a casa definitiva daquelas estrelas caninas. Juntaram-se à equipe os técnicos do Vila Zeuz Luz e Joilson Conceição, além de Carla Cana Brasil e Livia Magalhães, moradoras da rua Tuiuti. Ao contrário de Romeu & Julieta, a história teve final feliz. Shirley e os meninos foram levados a um lugar seguro, no próprio Passeio Público. Em 40 dias, os cães-artistas vão ser colocados para adoção. Se você quiser escalar este elenco, entre em contato com a gente!

Nenhum comentário:

Postar um comentário