sexta-feira, 29 de abril de 2011

Jarbas e o cinema

Cena do documentário A Morte de D.J em Paris*

Baseado no conto A Morte de D.J em Paris, do mineiro Roberto Drummond, o documentário homônimo foi selecionado para o Short Film Corner, no Festival de Cannes, em maio. Dirigido pelo baiano Igor Penna, o filme é protagonizado pelo ator baiano Paulo Tiago dos Santos e pela atriz francesa Léa Schwebel, que veio a Salvador especialmente para as filmagens. O curta tem a participação do premiado ator Wilson Mello, que morreu no ano passado. A trilha sonora é do diretor musical Jarbas Bittencourt, que faz canções para o teatro baiano e compôs pela primeira vez para o cinema.

Jarbas Bittencourt é diretor musical do Bando de Teatro Olodum e um dos realizadores do Encontro de Compositores.

Nenhum comentário:

Postar um comentário