sábado, 16 de outubro de 2010

Você daria um beijo em Matilde?

29 personagens. E eu pensei: onde caberia isso tudo? Aí, começa o espetáculo.

"Depois de Matilde, o beijo nunca mais será o mesmo".

Apagam as luzes e, de repente, você está no mundo de uma repórter, que conta a história da misteriosa "cambiadora de cuerpos". O que a diferencia dos outros personagens? Os sapatos. Na maioria das vezes, apenas a troca de sapatos indica que o personagem antigo se fora, e que agora temos alguém novo para conhecer. Bem, acho mesmo que o que diferencia um personagem do outro é, na verdade, o talento absurdo das atrizes Elaine Cardim e Tatiana de Lima para a mutação.

"Adalberto, agora, era mulher"

Tudo começa com o pobre Adalberto, que viu uma moça "toda prosa" pro lado dele e experimentou "dar uns pegas" na rapariga. Não deu outra, trocaram de corpos. E foi a confusão de Adalberto que deu início à busca pela paraguaia, numa correria que levou a polícia até mesmo a impedir a entrada de qualquer turista latino no país. O negócio foi sério.

"Eu quero meu corpo de volta!"
"Feche seu corpo: Matilde chegou"

Mas o que tinha levado aquela moça a sair viajando e trocando de corpos por aí? Tantas as vítimas...muitas as perguntas...

"Deve ter um sentimento de amor por trás de seus atos criminosos".

A repórter inventa de escrever, para o jornal "mequetrefe" onde trabalha, um texto onde revela para Matilde que quer ser sua amiga. E se lança numa aventura com a trocadora de corpos...uma aventura que só quem for assistir ao espetáculo saberá se tem fim.

"La vida és bela, pero no mucho..."

Matilde - La Cambiadora de Cuerpos fica em cartaz até amanhã (domingo) no Vila. Vá assistir e cuidado! Quem sabe não é você a próxima vítima da moça paraguaia...

Nenhum comentário:

Postar um comentário