terça-feira, 1 de julho de 2014

Espetáculo dirigido por Marcio Meirelles estreia em Cabo Verde


No dia 7 de julho, próxima segunda-feira, estreia na cidade de Mindelo, Cabo Verde, o espetáculo Em Defesa das Causas Perdidas. Dirigida pelo encenador Marcio Meirelles, diretor artístico do Teatro Vila Velha, a montagem faz um diálogo entre a obra homônima do esloveno Slavoj Zizek e o clássico Dom Quixote de la Mancha, do espanhol Miguel de Cervantes.

"É uma peça sem ação aparente, com personagens, mas sem desenvolvimento de uma fábula q conduza o discurso - é o discurso em si, coisa q sempre quis fazer e não consegui, talvez só com BENÇA mais ou menos e nos experimentos da LIVRE. D Quixote aparece quase sampleado sem um contexto aparente", comenta o diretor Marcio Meirelles, que optou por usar na peça ritmos de Cabo Verde, com o objetivo de "iluminar os discursos".

É a terceira vez que Marcio Meirelles dirige espetáculo fora do país. O diretor já montou a peça “Zumbi” (1995), em Londres, e “Sempre em frente até amanhecer” (2013) em Viseu, Portugal. O espetáculo é parte do projeto de intercâmbio lusófono K Cena, iniciativa do Teatro Viriato (Viseu, Portugal), em parceria com Teatro Vila Velha e com o Centro Cultural Português (Mindelo).

Nenhum comentário:

Postar um comentário