terça-feira, 30 de setembro de 2008

mais leitura!

Ontem teve Leitura em Vox Alta do texto A cela, de Michel Azama. Depois rolou um bate-papo bem bacana com o dramaturgo Marcos Barbosa acerca do texto e do autor.

Daqui a pouquinho tem leitura de novo, só que dessa vez com a presença de Letícia Chaves, psicóloga com monografia acerca do tema "Percepções e vivência do cárcere" e coordenadora do projeto "Educação em prisões: Libertando conceitos" no Instituto Anísio Teixeira.

vem correndo que ainda dá!

Estante Virtual


Olha a super dica de Márcia Guena. Um ótimo site para quem quer comprar livros, principalmente aqueles difíceis de achar:

http://www.estantevirtual.com.br/

segunda-feira, 29 de setembro de 2008

Só até hoje!


Os alunos da Oficina de Performance Negra se despedem hoje do público, encerrando a temporada da peça Bai Bai, Pelô. A última apresentação acontece no Cabaré dos Novos, às 19h. Venha rir com essa turma de moradores do Pelô, que enfenta as dificuldades com muito humor e a alegria!


Começa amanhã!





Vamos que é importante!



Cultura viva no interior

Secult oferece 27 vagas para representante territorial

A Secretaria de Cultura do Estado abre, na próxima segunda-feira (29/09), pela internet, inscrições para a seleção pública de 27 técnicos de nível superior para atuarem como representantes territoriais da Cultura. Os candidatos devem ter curso superior completo em qualquer área, residir em uma das cidades do Território de Identidade onde vai atuar e ter comprovada atuação na área cultural há pelo menos um ano. Os técnicos serão contratados por dois anos, prorrogáveis por mais dois, com salário de R$ 1.462,80. O representante territorial vai atuar como articulador nas relações dos segmentos culturais entre os municípios do Território na consolidação do Sistema Estadual de Cultura.


Mais informações no site www.cultura.ba.gov.br

quinta-feira, 25 de setembro de 2008

É Ângelo Flávio que vai recitar os poemas no Cabaré ao Vapor desta sexta (26).

Ele é do CAN - Coletivo de Atores Negros Abdias Nascimento.Ah! Isso você já sabe...

Oficinas Gratuitas do Vilerê



Estão abertas as inscrições para as Oficinas Gratuitas do Vilerê! As aulas são voltadas para crianças e jovens e acontecem nos sábados 04, 12 e 19 de outubro. São mini-cursos com 3h de duração das disciplinas de artes plásticas, música e dança, voltados para crianças e jovens.

Os temas são: Arte e Customização, sob orientação do artista plástico Gilson Cardoso; Musicalidade e Performance, com os percussionistas Nine e Buiu; e Corpo Brincante, orientada pela coreógrafa e dançarina Lulu Pugliese. A oficina de Gilson vai produzir brinquedos com materiais reutilizáveis e montar uma exposição das construções dos alunos.

As oficinas fazem parte do Vilerê, projeto do Vila Velha e da Companhia Novos Novos para o mês das crianças. Vai de 4 a 19 de outubro, sempre aos sábados e domingos, com espetáculos, exibição de curtas, palestras, debates, exposição, música e brincadeiras e muito mais. A gente volta a falar sobre ele.

É hora de fazer arte de verdade! Inscreva seu filho, dê um toque pro vizinho, lembre daquele primo, de seu sobrinho...

Informações e inscrições podem ser feitas aqui no Teatro ou através do telefone 3083-4600.


CONFIRA:

Arte e Customização
Dia: 04 de outubro
Horários: das 9h às 12h e das 14h às 17h
Orientador: Gilson Cardoso (artista plástico)
15 vagas em cada turno

Musicalidade e Performance
Dia: 12 de outubro
Horário: das 14h às 17h
Orientadores: Nine e Buiu (músicos percussionistas)
30 vagas

Corpo Brincante
Dia: 19 de outubro
Horário: das 14h às 17h
Orientadora: Lulu Pugliese (coreógrafa da Cia. Novos Novos e dançarina do grupo Tran Chan)
30 vagas

Seu programa de sexta à noite...



quarta-feira, 24 de setembro de 2008

Presença confirmada


Extra! Extra!

Acaba de sair o nome de mais uma atração do Cabaré ao Vapor desta sexta: o "Duo Traz a Presença", com Daniel Neto - na sanfona, violão e voz; e Ana Luisa Barral - no bandolim, violão, voz e percussão.

Tá esquentando...!

Sexta-feira, 20h - Cabaré ao Vapor
(veja mais nos posts abaixo)

Quarta que dança



Tem gente do Vila no Quarta que Dança de hoje:




O Cabaré tá fervendo!



A estréia do Cabaré ao Vapor, na última sexta-feira, deu o que falar! Muita gente veio provar a moqueca do ator AC Costa e curtir as atrações da noite. Foi lindo de ver e de provar. Sinta o gostinho:



AC e as ACzetes


luz de velas


A estrela da noite


Raíça, Diana e Laura: Canto de Amapô


"Maria no Espelho" (também conhecida como Iara Colina)


Jacyan disse que ela "gosta" e até Gordo "gosta"


Uma câmera na mão e uma curiosidade na cabeça


Pra quem perdeu e pra quem quer vir de novo, nesta sexta tem mais! Jorge Washington vai preparar um Peixe à Escabeche com acompanhamentos originais e no tempero já está confirmado um bom chorinho, capitaneado por Elisa Goritzki - já fazendo uma prévia do Vila do Choro, que começa na quarta que vem.

Outras atrações estão para serem confirmadas. Não se preocupe que a gente avisa.

E atenção ao horário: este Cabaré ao Vapor começa - excepcionalmente - às 20h, porque o espetáculo que o antecederia ("Malgrés Nous", do Portugal em Cena) foi cancelado. Mas é só esta sexta. Depois, o formato original se mantém: acaba a peça, acende o fogo, esquenta a panela.

Cabaré ao Vapor
Sexta, 26 de setembro - excepcionalmente às 20h
Prato: Jorge Washington... ops, Peixe à escabeche com feijão verde e quiabo ao camarão seco, preparado pelo ator
ENTRADA FRANCA
Preço do Prato: R$ 10,00 (dez reais).

terça-feira, 23 de setembro de 2008

A Outra vai à feira


É uma pena não termos fotos: hoje pela manhã, Luiz Antônio Jr. e Rita Carelli - d'A Outra Companhia de Teatro - foram à Feira de São Joaquim fazer "compras". O que será que eles estão armando?



Aberta a sessão de palpites:

Portugal em Cena: ADIADO



O projeto Portugal em Cena, que aconteceria neste fim de semana (de sexta a domingo), foi adiado e ainda não tem uma nova data para acontecer. Ele traria para o Vila os espetáculos Noite de Reis e Malgré nous, nous étions lá, além de um FALAVILA especial com Paulo Ribeiro (diretor da companhia que leva o seu nome e do Teatro Viriato, em Viseu). As negociações estão rolando e, assim que tivermos a confirmação das novas datas, avisamos!

segunda-feira, 22 de setembro de 2008

Vila do Choro


É com grande alegria que o choro está de volta ao Vila. Sim! O nome agora é "Vila do Choro" e o formato você já conhece: toda quarta-feira, quando a tardinha começar a cair, oficialmente às 17 horas, o grupo Novato toma as honras da casa e se torna o anfitrião no Cabaré dos Novos. Eles abrem a noite e vão convidando os músicos presentes para participarem da roda.

Os "Novatos" são:


Elisa Goritzki – Flauta
Dudu Reis – Cavaquinho
Victor Sales – Violão 7 Cordas
Edson Santos – Violão 7 Cordas
Cacau – Pandeiro

Se ligue:



Agora pode espalhar.

Do Viladança



sexta-feira, 19 de setembro de 2008

Notícia d'A Outra de Última Hora

A Outra Companhia de Teatro informa que em virtude de alguns problemas de ordem técnica e do intenso volume de trabalho em que a companhia se encontra, a Oficina de Iniciação Teatral que começaria no próximo dia 22 de setembro, segunda-feira, foi cancelada. É isso mesmo! Infelizmente não acontecerá a oficina.

Além já está ministrando um outro curso, a companhia está pleno processo de criação do seu novo espetáculo. A montagem, que ainda não tem nome, é uma colagem de três textos curtos da cena lusófona: um brasileiro baseado na poesia de Iderval Miranda; um português baseado no Conto da Ilha Desconhecida, de José Saramago; e A Vala Comum do angolano José Mena Abrantes.

Então é isso, galera! A Outra está se preparando para trazer novidades nos palcos e muito em breve, assim que a poeira baixar um pouquinho, continuaremos o trabalho com curso e oficinas de iniciação teatral.

Fiquem ligados!

Eu como, Tu comes...


Começa hoje o projeto Cabaré ao Vapor, aqui no Vila, no nosso "velho Cabaré dos Novos" (como diria Gordo).

Que é depois dos japas, todo mundo já sabe; que a entrada é franca, também; que o rango é a Moqueca de Peixe de AC Costa e o tempero tem música, teatro e poesia, idem. O que é que eu vou escrever no Blog sobre o projeto, pelamordedeus?!

Era o que eu estava pensando na hora do almoço.

Aí me bateu a idéia de procurar - no google, claro - coisas relativas ao slogan "Você tem fome de quê?", que adotamos: 62.300 resultados. Eu não chequei, mas dois ou três hão de ser do Cabaré ao Vapor, certamente.

O barato é que encontrei os resultados mais diversos; do mais óbvios, como temas de redação e blogs relacionados a entretenimento, até estudos psicanalíticos baseados em Freud e sites religiosos. O que Freud quer comer eu não sei. Minha mãe dizia que é errado dizer "comer hóstia". E enquanto fazemos nossa análise de consciência sobre quais os nossos desejos, necessidades e vontades e nos programamos para vir ao Vila hoje à noite, deixo vocês com nossa canção inspiradora - porque blog também é pra colar letra de música. E atire a primeira pedra quem cantar ela inteirinha sem trocar os versos!


COMIDA
Com a benção de Seu Arnaldo,

Bebida é água.
Comida é pasto.
Você tem sede de quê?
Você tem fome de quê?

A gente não quer só comida,
A gente quer comida, diversão e arte.
A gente não quer só comida,
A gente quer saída para qualquer parte.

A gente não quer só comida,
A gente quer bebida, diversão, balé.
A gente não quer só comida,
A gente quer a vida como a vida quer.

A gente não quer só comer,
A gente quer comer e quer fazer amor.
A gente não quer só comer,
A gente quer prazer pra aliviar a dor.

A gente não quer só dinheiro,
A gente quer dinheiro e felicidade.
A gente não quer só dinheiro,
A gente quer inteiro, e não pela metade.

Diversão e arte
Para qualquer parte.
Diversão, balé
Como a vida quer.
Desejo, necessidade, vontade,
Necessidade, desejo,
Necessidade, vontade,
Necessidade...

(fonte: www.musica.com)




E agora, podem escrever os artigos sobre o tema. "Você tem fome de quê?". O melhor ganha um prato de "Peixe de Escabeche", feito por Jorge Washington, sexta-feira que vem.

Bruno Machado - Núcleo de Comunicação

quinta-feira, 18 de setembro de 2008

Se ligue na galeria

Essas são algumas fotos do ensaio da versão japonesa de "Muito Barulho por Nada", feitas aqui no Vila por João Meirelles.

Pra lhe deixar na vontade...

Começa hoje!


















Japão em Salvador - Hoje!

Você gostaria de perder uma peça que queria muito assistir? E se esta peça - NUNCA MAIS - voltar a ser apresentada em sua cidade?

De hoje a sábado você tem três chances "únicas" de ver uma peça de Shakespeare montada por um grupo japonês com estética baseada na cultura deles e falada em seu próprio idioma (com legendas em português).

A montagem é de "Muito Barulho por Nada", um texto que, na opinião do diretor Seiya Tamura, é super atual, ainda mais se pensarmos na quantidade de guerras e confusões que fazemos sem uma causa que realmente o valha. Comédia e Tragédia se misturam em meio a intrigas e duelos, danças e flertes, casamentos e funerais.

Salvador - e o Teatro Vila Velha - foram escolhidos para a Estréia Mundial da peça, por conta da amizade do diretor por Chica Carelli. Eles se conheceram há alguna anos na Alemanha quando os dois montavam "Fausto", de Goethe. Mantiveram o contato e agora, por ocasião dos 100 anos de imigração dos japoneses ao Brasil, casaram os fatos.

Daqui de Salvador a peça segue para Porto Alegre, onde é apresentada nos dias 27 e 28 no Theatro São Pedro, e São Paulo, onde o Sesc Vila Mariana os recebe em 2 e 3 de outubro.

E mais um bom argumento: os ingressos custam apenas R$ 10,00 (a inteira) e R$ 5,00 (meia-entrada).

Se ligue:

Muito Barulho por Nada (Shakespeare) - uma versão japonesa
De hoje (quinta) a sábado: 18, 19 e 20 de setembro - 20 HORAS
Sala Principal do Teatro Vila Velha
Ingressos: R$ 10 e R$ 5 (meia)

RESERVE SEU INGRESSO LIGANDO PARA 3083-4600.

Você tem fome de quê?



Que acha de assistir uma peça, uma apresentação musical ou uma leitura dramática, num espaço bacana e aconchegante e depois se deliciar com um prato feito por um artista? Legal, né?!?


Então, venha para o Cabaré ao Vapor. Começa amanhã (sexta) no Cabaré dos Novos, aqui no Vila.


Logo após o espetáculo tem arte e comida no Cabaré.E para quem não assistiu a peça, não tem problema. Pode vir também!

terça-feira, 16 de setembro de 2008

Ruído


O espetáculo "Muito Barulho por nada" montado pelo grupo japonês
Euro-Japan Theatre Organization/ Theatre du Sygne, é apresentado na Sala principal do Vila a partir desta quinta-feira, 18/09, até o sábado, dia 20 - diferente do que saiu em parte de nossa divulgação. No material que preparamos no começo de agosto (sim, fazemos a programação com mais de um mês de antecedência!) está indicado que as apresentações começam na sexta e vão até o domingo. No decorrer do processo a data precisou ser modificada. Fique atento!


Muito Barulho por Nada
Sala Principal do Vila
Dias 18, 19 e 20 (quinta a sábado)
20 horas
Ingressos: R$ 10,00 e R$ 5,00 (meia-entrada)

Ciranda do Medo está de volta!






A Cia. Novos Novos está em cartaz numa curta temporada com o espetáculo infanto-juvenil Ciranda do Medo, que aponta os medos de uma sociedade de forma lúdica e recheada de questionamentos. A peça, que recebeu indicação ao Prêmio Braskem de Teatro 2008, fica em cartaz de 20 a 28 de setembro, com sessões aos sábados e domingos, sempre às 16h, no palco principal do Vila. Os ingressos custam apenas R$16 e R$8 (meia-entrada).


Ciranda do Medo
Palco Principal do Teatro Vila Velha
Dias 20,21, 27 e 28 de setembro
Sábados e Domingos, 16h
Ingressos: r$16 (inteira), r$8 (meia)

Um Cabaré a todo vapor!



O Vila Velha está cheio de novidades, sempre. A mais nova é o velho Cabaré dos Novos, aquele espaço tão simpático, aconchegante e discreto. Agora sob responsabilidade de Gordo Neto, ator residente da Casa, o bar-palco-ponto-de-encontro-do-vila diversificou suas atividades, mudou seu cardápio e passou a ser uma boa opção pra "depois do ensaio". Um bom exemplo disso é o projeto "Cabaré ao Vapor", que acontece duas vezes por mês, às sextas feiras, depois do espetáculo da noite (ou seja, umas nove e meia, dez horas). Um artista-cozinheiro convidado prepara seu prato preferido e outros artistas tocam, cantam, declamam, representam, enfim, colocam um tempero a mais nessa orgia gastro-artística! E enquanto tudo isso acontece, a câmera curiosa do Vila vai se embrenhado na cozinha, no palco, no camarim, por entre o público e mostra tudo ao vivo na nossa TV de 42" (gentilmente cedida pela Aluguemais) para que a gente não perca nenhum detalhe. E o jantar, que vai sair umas dez e meia pra onze horas, custa apenas 10 reais! É uma ótima opção pra quem quer começar a noite pelo centro da cidade e já sair bem alimentado para uma noitada mais longa, ou pra quem quer fazer uma farra mais leve.

Vale lembrar que o espaço do Cabaré dos Novos cai como uma luva para shows musicais, peças pequenas, performances e exibição de vídeos. Só pra lembrar: foi no Cabaré que nasceu o Cabaré da RRRRRaça, do Bando, onde durante muito tempo aconteceram os shows da Confraria da Bazófia, o Chorinho de toda quarta feira, leituras dramáticas, peças e projetos - como o Quem manda é Nóis, o Bailavila etc. Esse espaço, que pode receber até 100 pessoas "de público", está à procura de coisas interessantes: música, teatro, dança, eventos... Quando artistas e produtores pensarem nos possíveis locais para seu projeto, podem pensar no Cabaré: é no centro, é no Vila, é bacana!




CABARÉ AO VAPOR

Dia 19/09

Cabaré dos Novos

Preço: R$10,00

Cozinheiro-ator: AC Costa

Prato: Moqueca de Peixe

Tempero artístico: Banda Canto de Amapô, com Raiça Bonfim; Diana Ramos e Laura Franco; Jacyan Castilho recitando poesias eróticas masculinas e Iara Colina com o solo Maria no Espelho.

Câmera curiosa: Cell Dantas e Gordo Neto

segunda-feira, 15 de setembro de 2008

Outra Oficina




Atenção caça-oficinas! Estão abertas as inscrições para a Oficina de Iniciação Teatral d'A Outra Companhia de Teatro.


Se você ainda não se inscreveu, corra! Ainda temos vagas.


As aulas começam na próxima segunda-feira, as 08:00 horas, no Teatro Vila Velha.


Não percam!

Comemoremos!


Boas marcas servem para se comemorar:
ainda na metade deste mês de setembro (quinze dias completos hoje) e o Vila já ultrapassou a marca de 2.200 espectadores.
Um número excelente!
Comemoremos!

Novos ares


A lojinha do Vila vai fechar. Hoje. É verdade, mas não precisa desespero: em outubro ela reabre muito melhor, com um novo espaço, novos produtos e nova gestão. Deilton José, artista plástico e ator residente do Vila assume o comando e garante que a cara nova vai, na verdade, explicitar melhor o espírito do lugar. "A lojinha do Vila é uma loja de arte" é o que ele diz.


"A idéia é comercializar uma maior variedade de produtos artísticos, especialmente de artistas locais, e de ecoprodutos - que já são vendidos, mas sem esse valor agregado", completa o novo chefe, que vai dividir a missão com a também artista Babi Lima. Eles já anunciam algumas procedências do novo acervo: Sirigua - um atelier que produz jóias de PET e PEAD; CMatos Pintura - pinturas exclusivas em saias e camisas; Maria Preá - saias de linho estilizadas pintadas a mão; Luciano Guimarães e seu Ateliê Côco Piaçava - com jóias e objetos de côco de piaçava, osso e chifre; Sankofa - bolsas e blusas com estampas de orixás; Thaís Rosa - colares feitos com reutilização de tecidos; e a própria Babi - também com pinturas em saias e camisas. E assim que acabar a reforma e puder voltar a produzir, Deiton agrega o acervo com seu trabalho de aerografia em tecido. Um monte de coisa e de gente boa. Tô ansioso pra ver!

Novos ares estão chegando...

sexta-feira, 12 de setembro de 2008

Amanhã tem Áfricas!






O Festival Latino-Americano traz amanhã uma atração especial para as crianças: Áfricas, do Bando de Teatro Olodum, que se apresenta às 14h no Palco Principal. Não perca!

Se todos fossem no mundo iguais a você

Você conhece o TCA por dentro? Pergunta idiota.

Você conhece alguém que não conhece o TCA por dentro? Outra pergunta idiota. Claro que não.

Mas e aquela figura que trabalha na sua casa, no seu trabalho, na portaria do seu prédio, atrás do balcão onde você compra pão, que lhe serve uma cerveja? É uma pessoa que você conhece, conversa, admira, elogia muitas vezes a batalha de viver com tão pouca grana.

Então dê a ela um presente, digamos, imaterial. Diga pra ela que neste domingo, às 11 horas, tem um espetáculo bacana, o Viladança no TCA, a um real a inteira e meio real a meia.

Quem sabe a partir de segunda ela não vai se sentir mais igual a você?

P.S.: Você que se orgulha de nunca ter mandado um e-mail corrente, taí uma chance de ser mala por um dia. A causa é nobre.

Um abraço. Marcus Gusmão.

www.licuri.wordpress.com



Da Ponta no TCA






Não esqueça: o espetáculo infantil Da ponta da Língua à Ponta do Pé se apresenta neste domingo, na sala principal do TCA, por apenas 1 real! Com humor, dança e música, a peça já encantou quase 40 mil crianças da capital e do interior. Não deixe de vir e trazer seu filho, seu irmão, seu vizinho, seu primo...!

quinta-feira, 11 de setembro de 2008

Doação de Brinquedos

A Pequeno Contorno de Luz, casa vizinha ao Vila, está recebendo doações de brinquedos!
A casa fica localizada na Rua Gamboa de Cima, n° 17 e tem como responsável Marialva Dias.
Se informe e colabore. O telefone para os interessados é o (71) 3329-7754.

Hoje tem...

Canteiros de Rosa - uma homenagem a Guimarães

Hoje, às 20h, pela programação do FILTE
O Vilavox sobe ao palco com o belíssimo espetáculo "Canteiros de Rosa"
Passeio pelo universo, personagens e rica palavra do grande Guimarães Rosa.
Com direção de Jacyan Castilho, a montagem é marcada pelo ritmo e os elementos musicais da linguagem do escritor em um cenário ousado, elaborado com andaimes de construção.
O texto é de Gordo Neto, inspirado livremente em contos do autor extraídos do livro Primeiras Estórias.
A musicalidade de Guimarães é traduzida por meio de versos de cordel, canções, grandes movimentos de coro, silêncios e murmúrios.







Só hoje, hein?!



Sábado tem Áfricas!


13 de setembro - SÁBADO - às 14h
Palco Principal do Teatro Vila Velha
Ingresso: r$10 (inteira) r$5 (meia)

Única apresentação do espetáculo ÁFRICAS no Festival Latino Americano
Bando de Teatro Olodum atro vila velha]
Primeiro espetáculo infantil da trajetória de 17 anos do Bando de Teatro Olodum, Áfricas utiliza-se de uma linguagem repleta de músicas, cores e danças para abordar o universo mágico e lúdico das lendas e contos africanos que ultrapassaram séculos e continentes através das narrativas dos griôs, ancestrais detentores da sabedoria e da linguagem oral. O objetivo é despertar em crianças e adultos o desejo de conhecer mais sobre este continente complexo e diverso que tanto contribuiu para a cultura brasileira, em especial, para o povo baiano.


Áfricas é a imagem do nosso postal deste mês. Ficou bonito:

quarta-feira, 10 de setembro de 2008

Vamos nessa?!





"Da ponta da língua à ponta do pé" é um espetáculo da Cia Viladança - grupo residente do Teatro Vila Velha. A montagem, que mistura teatro e dança, tem o reconhecimento internacional da UNESCO e, com essa apresentação no Domingo no TCA, deve chegar bem perto da marca de 40 mil espectadores desde a sua estréia, em 2004. Diversas cidades do interior da Bahia e de outros estados do Brasil já viram e se apaixonaram pela peça.

Num espetáculo com toques de comédia romântica, o adolescente Zé, garoto que gosta de rap, skate e não conhece nada de dança, se apaixona pela bailarina Isadora e com a ajuda de uma professora, passeia pela história da dança no Ocidente, desde a pré-história, passando pelos rituais religiosos da antiguidade e salões da nobreza européia, até chegar aos palcos contemporâneos. A direção é de Cristina Castro e a música de Jarbas Bittencourt.

terça-feira, 9 de setembro de 2008

Tudo Azul...



(ou quase)




Hoje, às 15 horas, começa no teatro Martim Gonçalves, da Escola de Teatro da UFBA, o seminário “As faces de Nelson”, com o objetivo de promover uma abordagem crítico-reflexiva sobre a obra de Nelson Rodrigues e conferir sua atualidade através das possibilidades de realização cênica. O seminário contará com a presença de estudiosos da obra do autor, iluminadores e renomados diretores teatrais da cidade, como Cleise Mendes, Vera Motta, Fernando Guerreiro, Paulo Cunha, Eduardo Tudella e Irma Vidal.

O evento ocorre também nos dias 16, 24 e 30 de setembro, sempre às 15h e com entrada franca. No dia 16, o bate-papo será com iluminadores teatrais e terá a participação de Fábio Espírito Santo, nosso diretor daqui do Vila.
Imperdível!


Serviço:

Seminário "As Faces de Nelson"
Teatro Martin Gonçalves - Escola de Teatro da Ufba, Canela
Dias 09, 16, 24 e 30 de setembro
15h
Entrada Franca


sexta-feira, 5 de setembro de 2008

Buenas Noches, mis queridos amigos


Logo mais, às 20 horas, começa o Festival Latino-Americano de Teatro da Bahia, com os cubanos da companhia "Buendía" e o espetáculo "Charenton". A entrada é franca, mas vai rolar aquela filinha básica, que menina e menino educado é assim que faz. Daí, seguimos com 10 dias de programação intensa e muita coisa boa. Até o dia 14, entram em cena nos palcos e salas do Vila, além dos representantes de Cuba, grupos do Equador, Peru, México, São Paulo, Rio Grande do Norte, Rio Grande do Sul, Pernambuco e Bahia. Entre no site da produção do evento (Carranca Produções e Oco Teatro Laboratório) para ver muito mais sobre essa maratona latina: www.ocoteatro.com.br. Arriba!

Teatro Baiano Reunido – Parte Final




Estudantes, atores, diretores e curiosos, muitos curiosos.

Com boa presença de público nas quatros mesas e mais de 350 inscritos foi positivo o saldo do Seminário História do Teatro Baiano nas Décadas de 60, 70, 80 e 90.

O evento vencedor do Prêmio Funarte de Teatro Myriam Muniz / 2007 aconteceu no Teatro Vila Velha, nos dias 02 e 03 de setembro e discutiu o teatro baiano dos anos 60 aos anos 90 foi um sucesso.

Os artistas convidados a participarem das mesas adoraram reencontrar os amigos e relembrarem os velhos tempos, os artistas que estavam na platéia contribuíram com a memória e comentários, e os ouvintes perguntaram, exclamaram e se divertiram com as histórias de um teatro de um outro tempo. Tão diferente e tão igual.

No segundo dia do seminário aconteceu a mesa anos 80, mediada por Luiz Marfuz e a participação de Hebe Alves, Antônio Godi, Paulo Dourado e o Cal dos Santos, ator baiano que vive na Itália e de passagem por Salvador nos presenteou com seu depoimento. À tarde, aconteceu a mesa anos 90 mediada por Fernando Marinho e com a participação de Chica Carelli, Carmem Paternostro e Meran Vargens.

A iniciativa d’A Outra foi muito elogiada por todos os participantes e agora é esperar o material gerado no evento virar livro.

Até o próximo!

vai torcendo...




E o estúdio novo do Vila tá quase ficando pronto... É ainda pra esse mês.


Jarbas, enfim, vai voltar a ter um teto pra chamar de seu.

E você sabia que o estúdio novo vai receber também demandas externas?

Já pensou?! Gravar um disco com o Selo do Vila?!

Vai torcendo...


Cheio de Arte

O Vila Velha está cheio de arte!

No foyer, começa hoje a exposição Impressões 3/3, que traz um coletivo de 21 artistas explorando variadas possibilidades estéticas da gravura, com diversas técnicas, como xilo e infogravura, e materiais, como madeira, metais e meio digital.

No muro que acompanha a rampa que dá acesso à bilheteria e entrada do teatro, três jovens artistas estão compondo um grande mural, com temas que remetem àquela circunstância ali. Bem interessante. Esse trabalho ainda está em curso, mas já dá pra perceber que caminho a galera va seguir. Legal, porque vai dar uma movimentada bem bacana no lugar.

Confira aí:












Gente Jovem. Arte da Boa. Venha Ver.

Cheios de prosa...





Folheando os jornais de Salvador, dei de cara com Jorge Washington e Auristela Sá, do Bando de Teatro Olodum, posando para a campanha "VÁ NA PAZ".

A campanha foi patrocinada por cinco entidades publicitárias e contou com a colaboração de diversas personalidades baianas, como Ivete Sangalo, Carlinhos Brown, Dadá e Jackson Costa. Claro que o Bando não podia ficar de fora dessa turma, já que seu trabalho vem ganhando cada vez mais destaque na Bahia e no Brasil. O seriado Ó paí, ó, por exemplo, gravado para a Globo, deve estrear até o fim do mês.

Dê uma passada no site www.vanapaz.com.br e conheça as outras estrelas baianas que estão participando!

E se quiser baixar a foto, clique aqui.

Tá rolando também um video na TV, olha só:



Sentiu o suíngue do Bando?!?

quinta-feira, 4 de setembro de 2008





QUERIDOS COLEGAS,


O GRUPO VILAVOX VEM AGRADECER A TODOS DA CASA PELA COLABORAÇÃO DURANTE A TEMPORADA DO ESPETÁCULO LABIRINTOS, QUE ESTEVE EM CARTAZ EM AGOSTO.
A COMPREENSÃO, PACIÊNCIA E AJUDA DE TODOS FOI FUNDAMENTAL PARA A BOA REALIZAÇÃO E SUCESSO DO PROJETO.

A TODOS, O NOSSO MUITO OBRIGADO!

Aula especial dos Novos Novos


Neste sábado (dia 6), a Companhia Novos Novos promove uma aula especial com Mariela Brazón Hernández, doutora em artes visuais, que irá falar sobre a arte na cultura sul-americana. Com um monte de estudo em torno das artes, as praias de Mariela mesmo são as relações entre Arte e Ciência, a Arte Cinética e a Arte Latino-americana - que ela aborda no encontro. O evento é aberto e se inicia às 15h, no Cabaré, dentro do Vila. Os Novos Novos estarão todos lá te esperando. Apareça!

Esta atividade faz parte de um conjunto de ações que começaram em julho e duram até março de 2009. Elas são possíveis graças ao suporte financeiro conseguido pelo grupo com a aprovação no edital de Manutenção de Grupos, da Secretaria de Cultura do Estado da Bahia. O apoio institucional, além de ser importante, veio reconhecer o trabalho de um grupo com características bem especiais, em que um conjunto de artistas colaboradores está à frente de um elenco infanto-juvenil, formando cidadãos - ainda crianças e adolescentes - através da arte.



terça-feira, 2 de setembro de 2008

Teatro Baiano Reunido

Começou hoje no Teatro Vila Velha o Seminário História do Teatro Baiano nas Décadas de 60, 70, 80 e 90.
O evento realizado pel’A Outra Companhia de Teatro, no seu primeiro dia, teve a realização de duas mesas: década de 60, mediada por Jussilene Santana, com a participação de Harildo Déda e Sônia Robatto, e década de 70, mediada por Cleise Mendes, com a presença de Raimundo Leão e Hebe Alves.

Sônia Robatto, Harildo Déda e Jussilena Santana na mesa da década de 60.

Além dos convidados e mediadores, a platéia estava repleta de estudantes, pesquisadores e artistas que contribuíram para a realização dos debates.
O seminário continua amanhã com a mesa da década de 80, mediada por Luiz Marfuz, com a participação de Antônio Godi, Hebe Alves e Paulo Dourado, e com a mesa da década de 90, mediada por Fernando Marinho, e tendo como convidadas Meran Vargens, Chica Carelli e Carmem Paternostro.








Fernando Neves e Mário Gadelha na platéia
.