terça-feira, 21 de julho de 2009

Neva, no Vila.

A Companhia Teatro dos Novos faz amanhã a leitura dramática de "Neva", com ENTRADA FRANCA, às 20h, no Cabaré dos Novos.

Escrita pelo jovem dramaturgo chileno Guillermo Calderón, Neva é uma das peças mais importantes do teatro chileno destes últimos anos e uma intensa reflexão auto-crítica e sarcástica sobre a arte teatral.

Direção: Héctor Briones
Elenco: Iara Colina, Rui Manthur e Vivianne Laert
Luz: Priscila Povoas

--
Baseada em fatos reais, Neva localiza a sua ficção em São Petesburgo. Seus protagonistas são três atores do legendário grupo "Teatro de Arte de Moscou", entre eles Olga Knipper, esposa do renomado dramaturgo russo Anton Tchekhov.

A peça transcorre em 1905, durante o ‘domingo sangrento’, quando as tropas do czar reprimiram violentamente uma manifestação de trabalhadores. Nesse dia, num teatro defronte ao rio Neva, os três atores esperam os outros colegas da trupe para começar o ensaio.

Eles não chegam... podem ter morrido.

Nenhum comentário:

Postar um comentário