sexta-feira, 9 de outubro de 2009

O Bando na Ilha do Amor


Dando continuidade a seu mais novo projeto, intitulado Respeito Aos Mais Velhos, os integrantes do Bando de Teatro Olodum estão em São Luiz do Maranhão.

Vindo de Fortaleza participando da nona edição do Festival Brasileiro de Teatro, em seis apresentações nesta cidade, o Bando levou ao teatro mais de cinco mil espectadores para assistir Cabaré da Raça, Áfricas e Ó Paí, Ó. Todas as sessões lotadas!

Rumo à nova montagem com estréia prevista para 2010, o trabalho de pesquisa que o grupo vem realizando tem seu ponto alto nos encontros com os membros mais velhos das comunidades marcadas pela presença do povo negro.

Na Ilha, O Bando foi generosamente recebido por três líderes religiosos na presença dos quais os atores e diretores do grupo se deixaram conduzir pelos caminhos do conhecimento ancestral:
Pai Euclides, sacerdote do Fanti-Ashanti, D. Maria Sete Flechas sacerdotisa do Terecô e D. Deni da Casa das Minas.

Zebrinha sentado aos pés de Dona Maria do Terecô - foto: Jorge Washington

Em torno dos sacerdotes o grupo ouviu histórias que ajudam a entender o percurso realizado por aqueles que guardam e mantém vivas as nossas tradições religiosas.

Nesses momentos mágicos, em que todo o Bando teve o privilégio de ouvir e aprender, vale destacar os aspectos variados com que o Candomblé se apresenta nas diferentes nações representadas por esses líderes.

Também em São Luiz, O Bando encontrou pensadores e intelectuais negros como o Professor Doutor Carlos Benedito (Carlão), da UFMa com quem conversou sobre a cultura Maranhense e a inserção do negro nesse contexto.

Certos de que não é possível pensar em ancestralidade sem respeitar e ouvir os nossos mais velhos o Bando segue e o trabalho continua... O exercício de ouvir e guardar vai formando, em cada um e em todos, um valioso patrimônio de conhecimento.

Quinta-feira, 08/10/2009, 19:15h
direto da Ilha de São Luiz,
popularmente conhecida como “Ilha do Amor”.

Um comentário:

  1. Agradeçemos a presença desse mestre da dança e toda sua equipe pela Oficinas maravilhosas...

    ResponderExcluir