terça-feira, 27 de janeiro de 2009

inimitável





"Inimitável" foi como o compositor Álvaro Lemos acabou de se referir a Manuela Rodrigues - que faz show neste momento aqui no Vila. Convidado pela cantora para dividir os vocais de uma música feita em parceria com ele, foi assim que Álvaro definiu Manuela ao final da canção.

Eu gostei do termo.

Sem ouvir talvez seja difícil imaginar a que ele se refere, ou - talvez mais que isso - fique parecendo que é rasgação de seda entre amigos, cumplicidade artística etc.

A questão é que eu estou escutando Manuela desde o meio da tarde (já são 19h e continuo ouvindo - agora na apresentação), quando ela começou a passar o som e fiquei intrigado com sua voz. Diferente, eu pensei, mas não fiquei contente com a definição; até que ouvi Álvaro, categórico: "inimitável". Timbre muito próprio - não lembra a voz de ninguém - com muito brilho, natural, afinação invejável, técnica impecável... além de boa figura no palco! Belas composições, ótima banda... me amarrei.

Vou aguardar o disco, que foi aliás motivo da apresentação: o show é uma prévia do seu segundo CD, que tem lançamento previsto para março e é dirigido e produzido pela cantora juntamente com o músico Tadeu Mascarenhas.

Confira você mesmo:




Nenhum comentário:

Postar um comentário