terça-feira, 21 de setembro de 2010

Aulas experimentais de esgrima no Vila: Quer saber como foi?

Quando se fala em esgrima, é comum as pessoas lembrarem de filmes como Os Três Mosqueteiros, Robin Wood, A Marca do Zorro", não é? Nesses filmes, o herói luta fazendo movimentos amplos com a espada e correndo pelo cenário com ela em punho. Mas a esgrima moderna é um esporte com movimentos rápidos e sutis bem como ações rápidas.

Nos últimos dias 14, 17 e hoje (21), aconteceram as aulas experimentais de esgrima oferecidas pelo Vila Velha. Elas tem o objetivo de familiarizar o iniciante com os fundamentos, as técnicas e a estética da esgrima moderna, capacitando-o a executar movimentos básicos da esgrima de florete e sabre para utilização cênica.




A atividade é ministrada por Romeu Resende, Mestre D’armas graduado pela Escola de Educação Física do Exército e especialista em condicionamento físico para teatro e dança, com atuação junto a grupos como Salto, Viladança, Companhia de Teatro dos Novos, e instrutor de esgrima cênica para a escola de teatro da UFBa e para os espetáculos Rapunzel (1981), Lúcia de Lamemour (1987) e Hamlet (2005).


A esgrima pode ser praticada por todos, desenvolvendo as qualidades físicas de resistência, velocidade e precisão, e as qualidades morais de julgamento, decisão e vontade. É um excelente meio para disciplinar, ampliar, justapor e coordenar as impressões sensórias (táteis, visuais, auditivas, musculares) e as ações psicomotoras.

Fiquem de olho que em breve o Vila vai trazer mais novidades sobre oficinas de esgrima. Touchè!

Nenhum comentário:

Postar um comentário