sexta-feira, 30 de outubro de 2009

O Bando em Feira


O Bando viajou hoje para Feira de Santana. Pela manhã receberam a notícia de que as oficinas que eles vão ministrar lá neste final de semana já estavam com as vagas esgotadas.

Só a de Zebrinha tinha 100 pessoas inscritas - o máximo permitido por ele. A de Chica, 50 - porque ela também pediu para parar por aí... Imagine!

--
Bando de Teatro Olodum realiza oficinas gratuitas para os feirenses neste fim de semana

Ação faz parte do projeto “Respeito aos Mais Velhos”, patrocinado pela Petrobras

Após a apresentação dos espetáculos Ó, paí, ó” e “Cabaré da RRRRRaça”, o Bando de Teatro Olodum retorna a Feira de Santana e promove nos dias 30 e 31 de outubro e 1º de novembro, a Oficina de Performance Negra com aulas de dança, canto, interpretação e memória e identidade, sempre voltadas para a temática negra e popular desenvolvida pelo grupo. Na ocasião, o Bando também irá a campo obter relatos de pessoas afro-descendentes da melhor idade em comunidades e quilombos.As ações, patrocinados pela Petrobras por meio da Lei de Incentivo à Cultura do Governo Federal, fazem parte do projeto “Respeito aos Mais Velhos”, que será finalizado na Princesinha do Sertão. Em Feira de Santana o projeto conta com apoio da Fundação Cultural do Estado da Bahia que pretende incrementar a programação do Centro Cultural Amélio Amorim, alem da colaboração do Galpão de Arte que cederá suas salas para realização de duas oficinas

Uma equipe formada por renomados profissionais do Bando desenvolverá as oficinas gratuitas para a comunidade. Nelas, os interessados poderão conhecer de perto o processo de criação da companhia e a linguagem construída pelo grupo ao longo de seus 19 anos de existência. São elas: teatro, com a diretora e produtora Chica Carelli (teatro); dança, com o coreógrafo Zebrinha; música para o teatro, com o diretor musical Jarbas Bittencourt; e memória e identidade, com a atriz e museólogaCássia Valle. Todas as oficinas terão a participação de atores do Bando como monitores e instrutores.

quinta-feira, 29 de outubro de 2009

OSUfba


CONCERTO SINFÔNICO CORAL - OSBA E MADRIGAL DA UFBA

REQUIEM

François-Joseph Gossec

Solistas: Marilda Costa (soprano), Tânia Barros (mezzo), Sandro Machado (tenor), Moisés Tessolo (baixo)

REGÊNCIA: HORST SCHWEBEL

SIMPLESMENTE IMPERDÍVEL!!!!

1º de novembro - Reitoria/UFBA 19h

4 de novembro - TCA, às 20h

Realização: ESCOLA DE MÚSICA/UFBA E TCA

24 artistas, nenhum baiano...


Me corrijam se eu estiver errado: na lista abaixo, divulgada hoje pela Funarte, há 24 artistas contemplados em edital de seleção pública e nenhum deles é baiano. É isso mesmo?

Falta de competência artística não é... E é o quê, então?!

--

A Fundação Nacional de Artes (Funarte), entidade vinculada ao Ministério da Cultura, divulga a lista dos 24 artistas selecionados por meio de edital de seleção pública, que irão se apresentar durante a Feira Música Brasil (9 a 13 de dezembro). O resultado oficial foi publicado hoje, 29 de outubro de 2009, no Diário Oficial da União, na seção 1, páginas 19 e 20.

A Funarte recebeu mais de 800 inscrições de candidatos de todo o país, artistas interessados em participar do maior evento de música e negócios da América Latina. Confira a lista:

NOME DO ARTISTA /GRUPO - NOME DO PROPONENTE (PESSOA JURÍDICA)

A TROMBONADA - Pontes Produções Artístico-Culturais Ltda.

ANDRÉ ABUJAMRA - Núcleo Produções Cultura e Desenvolvimento Ltda.

AURINHA DO COCO - Associação Cultural e Musical Os Maias

BANDA NAUREA - A.S Serviços de Informática e Prod. Artísticas Ltda.

CIDADÃO INSTIGADO - Ictus Produções Artísticas, Culturais e Eventos Ltda

DANIEL MIGLIAVACCA - Gramophone Produtora Cultural Ltda. - EPP

DJ DOLORES - Astronave Iniciativas Culturais Ltda

FABIANA COZZA - Fubá - Agência das Artes

FINO COLETIVO - Plenart Produções Artísticas Ltda - ME

JOSILDO SÁ - Samba de Latada Produções Culturais

JUPITER MAÇÃ - Barravento Produções Artísticas e Musicais Ltda

KASSIN - UH Tererê Diversão e Arte Ltda

MACACO BONG - Asprogic

MARINA DE LA RIVA - Mousike Entretenimento Ltda

MILOCOVIK - Metro Seis Cenografia Ltda - ME

MUNDO LIVRE S/A - Astronave Iniciativas Culturais Ltda

MURILO DA RÓS - Murillo Da Rós Produções

NINA BECKER - UH Tererê Diversão e Arte Ltda

ORQUESTRA CONTEMPO RÂNEA DE OLINDA- Amorim, Oliveira e Aurelino Produtora Artística e Cultural Ltda - ME

PAULA MORELENBAUM - Mirante Produções Artísticas

SAMBA DE RAINHA - Samba de Rainha Produções Artísticas Ltda

SÍLVIA MACHETE - Bambolê Productions Arte e Show Ltda

WILSON DAS NEVES - UH Tererê Diversão e Arte Ltda

ZABÉ DA LOCA - Crioula Carioca Projetos Culturais e Fonográficos Ltda

Mais informações: http://feiramusicabrasil.com.br/site/

A Outra no Piauí



Daqui a pouco, A Outra Companhia apresenta o espetáculo Arlequim servidor de dois patrões no Passeio Público. E sem demora, o grupo arruma as malas e embarca para o Piauí, onde participará do Festival Nacional de Teatro - Pontos de Cultura, apresentando o mesmo espetáculo.

Serão duas apresentações, uma na tarde de 30/10, as 16h, na Cidade Cenográfica e outra na manhã do dia 31/10, na Praça da Matriz, as 10h.

A Outra vai representando o Ponto de Cultura do Teatro Vila Velha e o estado da Bahia. Simbora!!! Axé!!!

parceiro





Mostra de Cinema

Começou ontem, mas ainda dá tempo conferir!!!

Doe uma almofada pr'A Outra

Atenção, galera! Se você tem uma almofada aí em casa, aquela mesmo que você não quer mais e não sabe o que fazer com ela, A Outra Companhia de Teatro sabe, doe pra gente. É só entrar em contato pelo e-mail: aoutra@teatrovilavelha.com.br ou pelo telefone 3083-4617 que a gente marca e dá um jeitinho de ir buscar.
Em novembro, estaremos realizando um ciclo de leituras dramáticas de textos de autores lusófonos aqui no passeio público e precisamos de almofadas para proporcionarmos um conforto pra galera, então, desde já, fique ligado! Ciclo de leituras dramáticas com A Outra Companhia, às terças-feiras de novembro, às 19 horas, aqui no passeio público. Esta ação integra o projeto A Outra Companhia 2008 que tem o apoio do Fundo de Cultura do Estado da Bahia. Então é isso, querendo aparecer é só trazer sua almofada!

terça-feira, 27 de outubro de 2009

APOIO A NOVAS MONTAGENS

Como a palavra de ordem do Viladança é TRABALHO, o Núcleo arregaça as mangas e apoia mais uma vez artistas com garra para começar e com muita vontade de trabalhar e fazer arte.

"Apostar em novas idéias que tragam sentido as nossas inquietações é muito bom. Aliar estas idéias a artistas com talento e determinação é uma riqueza. A nova montagem Dança em Quadrinhos, do coreógrafo e dançarino, Leandro de Oliveira é uma belíssima proposta e já começa bem apostando em novas audiências para a dança", comenta a diretora Cristina Castro.

Léo vem integrando o elenco de muitos espetáculos do Viladança como: José Ulisses da Silva, CO2, Caçadores de Cabeças, Habitat, Aroeira, Exposição Sumária, Sagração da Vida Toda e do musical infanto-juvenil Da Ponta da Língua á Ponta do Pé. No Viladança, além de dançarino é assistente de coreografia e trabalha em projetos como o Improvilação e o EIC - Encontro de Investigação Coreográfica.

Agora ele dá um incrível passo na sua carreia, partindo para a criação de um espetáculo autoral destinado a crianças e adolescentes, o DANÇA EM QUADRINHOS.


A estréia acontecerá no primeiro semestre de 2010 e o projeto já é ganhador de um importante prêmio nacional: O edital Klauss Vianna, concedido pela Funarte - Ministério da Cultura.

Em dezembro será realizada a audição para compor o elenco dos dançarinos que participarão da montagem, mas desde já, quem quiser saber um pouco mais é só entrar no blog do projeto: www.vemdancaremquadrinhos.blogspot.com ou escrever para dancaemquadrinhos@gmail.com ou nucleoviladanca@gmail.com.

O Viladança assina a produção da montagem e recebe com alegria essa nova aventura!

Boa sorte Léo, muita energia e muita luz para você! 2010 promete!!!!


"Começou assim... três amigos numa mesa de bar discutindo identidade. Depois uma antiga idéia veio à tona e ali mesmo eu decidi costurar os assuntos e escrever um projeto de montagem. Aí veio o Edital Klauss Vianna e... Vencemos! Passamos! Ganhamos! O projeto Dança em Quadrinhos passou!

Eu estou muito feliz por essa conquista, e é aqui no blog do Vila que quero agradecer as pessoas especiais que me ajudaram a alcançá-la.

Daniel! Meu amigo e irmão! Começamos a escrever uma história juntos! Calma que a revistinha há de rolar! Vamos explorar seu talento!

Valeu Julia! Sempre com um alto astral e bom humor contagiante aliados a uma praticidade e eficiência que fascinam!

Obrigado Lu! Sempre tranqüilo, é o cara dos detalhes. Que identifica aquilo que falta pra tornar algo simplório em notório. Parabéns pra você também!

Valeu Will! De longe sério, de perto nem tanto, de mais perto menos ainda! O cara dos contatos, das redes. Altas dicas, sempre pronto a ajudar, incentivando e me socorrendo nas planilhas da vida! Valeu parceiro!

Inácio! Hai ai viu... que energia boa é essa? Transforma ansiedade em serenidade com um humor leve e despretensioso. Sempre a postos para dar aquela mãozinha. Obrigado!

Muitíssimo obrigado Cris! Pela confiança e pelos exemplos diários. Estar perto de ti me faz aprender sempre. Idéias, caminhos, alternativas, conselhos que abrem os olhos e ampliam o pensamento. Obrigado por me emprestar sua visão além do alcance!

E a todos que toparam entrar nessa comigo! Agora é a vera! Tá valendo! Obrigado pela disposição! Valeu Núcleo Viladança! Valeu Teatro Vila Velha! Valeu mesmo! "

Leandro de Oliveira

sexta-feira, 23 de outubro de 2009

Abre Caminhos


Besouro, de João Daniel Tikhomiroff, chegou. Finalmente e com muitas expectativas. Na última quarta, dia 21, aconteceu a pré-estreia do filme (veja fotos), que traz no elenco muitos talentos baianos, dentre eles alguns atores do Bando.

Os mais presentes em cena são Leno Sacramento (Chico) e Sérgio Laurentino, que faz Exu. Mas estão lá também Zebrinha (Ogum) e Rejane Maia (Nanã).

O filme estreia ao público de todo o país no próximo dia 30.

Quem reparar bem os créditos subindo no final (ao som de Nação Zumbi e Gilberto Gil) vai ver lá agradecimentos ao Bando de Teatro Olodum e ao Teatro Vila Velha.

Abaixo seguem o trailer e trechos da entrevista que Sérgio concedeu ao jornalista Paulo Mussoi para o Blog do filme.




--
por Paulo Mussoi - 19|10|2009

Sua primeira cena é assustadora. Para espectadores desacostumados às tradições e crenças da religião afro, ela soará como a entrada de um grande vilão. Mas não é nada disso. Logo fica claro que o orixá Exu é a primeira - e possivelmente a mais importante - de uma série de forças sobrenaturais que ajudarão Besouro a transformar-se num herói.


Desnecessário dizer o quão emocionante foi para este baiano de 32 anos e quase dois metros de altura viver nas telas um de seus orixás de devoção.



Como você acha que as pesssoas ligadas ao Candomblé e outras religiões afro estão aguardando a estréia de Besouro? Acha que elas vão gostar?
Sérgio Laurentino: “Aqui na Bahia todos que encontro dizem que ‘o dono’ da minha cabeça deve estar muito orgulhoso por este personagem. De fato eu, o Bando de Teatro Olodum, o Teatro Vila Velha e todos os segmentos da etnia negra esperamos por este filme. Nada mais justo que colocar os orixás como aquilo que são: deuses. E graças a eles, que estiveram tomando conta de tudo que aconteceu neste filme, Besouro será um sucesso”.

O que você espera do filme?
“Eu espero o melhor deste filme. Que ele seja sucesso de público e de crítica, e que também seja fonte de estudos para os afro-descendentes. Que ele, como Exu, comunique e preencha todas as lacunas estéticas que nós brasileiros ainda temos quando se trata deste tipo de dramaturgia”.

Já dá para sentir algum impacto de sua participação em Besouro na sua carreira?
“Sim… ontem estava fazendo um espetáculo chamado ‘Africas’, dirigido por Chica Carelli, onde eu faço um feiticeiro africano. No fim da peça, um garoto chegou para mim e disse: ‘Eu e todos na minha escola, que fica no centro de Salvador, estamos loucos para ver Besouro, só para ver você voar’”.

O que você pode dizer sobre a importância de seu personagem na trama?
“Bem… As forças da natureza têm que se comunicar com os mortais. Aí entra o Exu, que instiga a mudança de Besouro e o acompanha até a sua missão ser cumprida. Acho que vai ser impactante ver os olhos vermelhos de Exu, o seu cabelo… Na verdade, acredito que todos os orixás vão ser muito bem vistos e esperados neste filme, pois o João Daniel teve muito cuidado e carinho com estes personagens. Eu que sou da religião, fiquei admirado com esta preocupação”.

>

Como está sua carrreira pós-Besouro?
“Eu sigo atuando em teatro com o Bando de Teatro Olodum, de Salvador, e temos um novo projeto chamado ‘Respeito aos mais velhos’, que deve estrear no próximo ano. Fora do teatro estou esperando um pouco, pois prometi que só ia fazer algo em cinema ou TV depois que os meus olhos tocassem em Besouro. E está perto…”

sugestão de Cell

Sugestão de nosso amigo Cell Dantas para animar o Blog do Vila:


todo mundo canta!

lembra do mês da dança?

Boteco com pitada de Vila


O Mocambinho Bar está instalado no Largo Dois de Julho e é um boteco com pitada de Vila Velha. Auristela Sá - uma das sócias - é atriz e produtora do Bando de Teatro Olodum.

O que esquenta esta notinha é que o Mocambinho ficou entre os dez melhores estabelecimentos concorrentes no "Comida di Buteco" deste ano. O resultado acabou de sair e pode ser conferido no site do evento. O prato participante foi a Frigideira, um dos hits da casa.


Confira a lista e experimente!

O endereço do Mocabinho é: Rua da Faísca, 12 . Dois de Julho . Tel: (71) 3328 1430
Funciona de 3ª a sábado, de 18h até o último cliente.




quinta-feira, 22 de outubro de 2009

Hoje tem Arlequim


Foto João Meirelles

Voltou ontem a cartaz Arlequim - servidor de dois patrões. O espetáculo está em cartaz todas as quartas e quintas, até 19 de novembro, sempre às 15 horas, no passeio público do Teatro Vila Velha.
Hoje tem de novo. Venha ver!

quarta-feira, 21 de outubro de 2009

Do Bando


Duas matérias que Auristela Sá mandou hoje sobre o Bando de Teatro Olodum na página "A Gente se vê no Teatro", do portal Globo.com.

Acompanhe:

- LÁZARO RAMOS LEMBRA COMEÇO DA CARREIRA NO BANDO
GRUPO COM SEDE NO PELOURINHO FOI O BERÇO TEATRAL DO ATOR BAIANO

e

- BANDO DE TEATRO OLODUM AMPLIA HORIZONTES
NASCIDO NO PELOURINHO, GRUPO JÁ CONTABILIZA 19 ANOS FORMANDO ATORES

e mais

Tragédia Ambiental


Não à implantação de usinas termoelétricas no Recôncavo Baiano.

Extremamente poluentes, usinas termoelétricas movidas a óleo pesado OCB1, como as que querem implantar no município de Sapeaçu, vão na contramão de toda política ambiental mundial. A expectativa do Movimento Termoelétricas Jamais é que o tema seja divulgado para amplo debate na sociedade.

A votação no CEPRAM (Conselho Estadual do Meio Ambiente), prevista para o último dia 02/10, foi adiada para o dia 29/10, quinta-feira, às 9h da manhã.

Envio links, textos informativos e, em anexo, um artigo enviado pelo Prof. Sivanildo Borges, pós-doutor em química pela USP, natural de Sapeaçu e residente no município. Dr. Sivanildo é professor na UFRB - Universidade Federal do Recôncavo Baiano.

É importantíssima a participação de todos. Divulguem e estejam presentes no dia 29. Essas duas termoelétricas, previstas para Sapeaçu, são apenas as primeiras de um total de 16 na Bahia, 9 delas no Recôncavo.

A poluição gerada por esse tipo de queima causa gravíssimos prejuízos à natureza e à saúde da população.

Iara Colina.
(71) 8728-9099

VAMOS LÁ:

O QUÊ: Votação sobre implantação de termoelétricas movidas a óleo pesado no Recôncavo Baiano – município de Sapeaçu.

QUANDO: 29 de outubro - quinta-feira - às 9h da manhã.

ONDE: Secretaria de Indústria, Comércio e Mineração - Centro Administrativo de Salvador. (Reunião do CEPRAM – Conselho Estadual do Meio Ambiente)

ENDEREÇO: Auditório da SICM (Secretaria da Indústria, Comércio e Mineração) - 4ª avenida, 415, sala 106, 1º andar - Centro Administrativo de Salvador-BA.
***************************************************************************************
Mais informações:
No dia 02/10, na reunião em que seria votada a implantação das usinas, o CEPRAM alterou a ordem da pauta da reunião e tratou do tema das termoelétricas (previsto para ser o último ítem da reunião) logo pela manhã. Já havia chegado lá um dos ônibus vindos do recôncavo com pessoas dispostas a protestar contra a implantação das usinas na região.

No entanto, mais tarde (no horário previsto para a votação divulgado pelo CEPRAM), chegaram mais 3 ônibus da região e também Dr. Sivanildo Borges, pós-doutor em química pela USP e uma das lideranças do movimento Termoelétricas Jamais, que, portanto, não teve a oportunidade de ser ouvido na reunião do CEPRAM.

Por volta das 16h, os integrantes do Movimento interromperam por cerca de meia hora a Av. Paralela, sentido Iguatemi, com grandes faixas e banners, no intuito de dar maior visibilidade à questão, que não têm recebido ampla cobertura da imprensa. Na ocasião, estiveram registrando o acontecimento repórteres de um jornal de grande circulação no estado e de uma tv, também com excelente amplitude de audiência.

Apesar da cobertura mencionada, o evento não foi divulgado nem através do jornal, nem da emissora de tv.

Vocês podem conferir nos links abaixo as fotos que foram publicadas na Agência Globo.

http://www.agenciaoglobo.com.br/ui/fotosDia/Print.aspx?id=71183

http://www.agenciaoglobo.com.br/ui/fotosDia/Print.aspx?id=71184

*************************************************

Notícia do Estadão e ainda outras informações:

http://www.estadao.com.br/estadaodehoje/20090406/not_imp350554,0.php

Na Veja Amazônia deste mês tem uma matéria intitulada “O pulmão intoxicado pelo diesel”, que começa assim:

As 260 termelétricas da Amazônia emitem o dobro dos poluentes produzidos pela frota de veículos da cidade de São Paulo.” O texto está transcrito no www.brasilagro.com.br/noticias.php?id=20924

Ali se fala de termoelétrica a diesel, e o óleo pesado é muitas vezes mais poluente que o diesel.

· O líder do movimento Termoelétricas Jamais é o professor Sivanildo Borges, da UFRB, com pós-doutorado em Química pela USP (um dos pós-doutores mais jovens do mundo), que não tem vínculo partidário. Ele é de Sapeaçu e já foi carregador de caminhão, agricultor, borracheiro e fabricante de farinha. Coloquem no Google “Sivanildo da Silva Borges” e vejam o currículo Lattes dele, e quantos trabalhos publicados em língua estrangeira ele tem, e depois “Sivanildo Borges” e vejam outras informações.

· Na internet tem muitas matérias sobre o tema, como esta:

Sapeaçu vai ter duas termoelétricas movidas a óleo pesado (OCB1)

Postado em 29 junho 2009 por Coordenador

A empresa Multiner pretende implantar na cidade de Sapeaçu, a 12 Km de Cruz das Almas, no Recôncavo, duas termoelétricas. Segundo Professor Sivanildo Borges, da UFRB, que é morador da cidade de Sapeaçu, esse óleo é altamente poluidor, pois é a fração do petróleo próxima ao àquela usado para pavimentação de vias.
Ele está na organização de uma manifestação para esclarecer a população sobre esse tipo de geração de energia. ‘A manifestação se justifica uma vez que as termoelétricas deverão gerar cerca de 300 mW de energia elétrica com a queima de cerca de 59 toneladas por hora do óleo pesado da Petrobrás. Isto significa uma contaminação ambiental atmosférica sem precedentes para o Território do Recôncavo da Bahia. O alcance das substâncias emitidas pelas termoelétricas serão de, no mínimo, 40 Km (palavras dos representantes da Multiner). Mas, acredito que deverá alcançar uma distância muito maior’, Sivanildo afirma.
E acrescenta : ‘A incidência de muitas doenças respiratórias está relacionada com o aumento da poluição atmosférica. Os hospitais da nossa região não estão preparados para tratar dos casos decorrentes desta poluição’.

A manifestação será realizada no dia 02 de julho (quinta-feira), a partir das 08h30min, na Praça da Matriz da cidade de Sapeaçu – BA.

(http://www.ufrb.edu.br/linkreconcavo/2009/06/29/sapeacu-vai-ter-duas-termoeletricas-movidas-a-oleo-pesado-ocb1/)

E esta:

Professor alerta para risco de doenças respiratórias com isntalação de termoeletrica em Sapeaçú



Convém esclarecer que esta manifestação se justifica uma vez que as termoelétricas deverão gerar cerca de 290 mW de energia elétrica com a queima de cerca de 59 toneladas do óleo pesado da Petrobrás, segundo Ata 326º do CEPRAM para transferência das usinas de Eunápolis para Sapeaçu lavrada em 30 de janeiro de 2009 http://www.semarh.ba.gov.br/cepram/326ata_2009.pdf) to significa uma contaminação ambiental atmosférica sem precedentes para o Território do Recôncavo da Bahia. O alcance das substâncias emitidas pelas termoelétricas serão de, no mínimo, 40 Km. Mas, acredito que deverá alcançar uma distância muito maior. Pois, os contaminantes oriundos da queima bem como do transporte do combustível, deverão alcançar corpos d´água e serem carreados.
A incidência de muitas doenças respiratórias está relacionada com o aumento da poluição atmosférica. Muitos relatos tem sido disponibilizados em artigos científicos sobre as repercussões clinicas da poluição atmosférica (http://www.scielo.br/pdf/jbpneu/v32s1/a02v32s1.pdf) tais como conjuntivites, bronquites, agravamento de asmas, pneumonias e muitas outras enfermidades respiratórias. Adicionalmente, há ocorrências de anomalias congênitas e incidência de fetos sem cérebro (http://www.conjur.com.br/2005-set-06...medir_poluicao). No sistema público de saúde não está apto para tratar dos casos decorrentes da eminente catástrofe ambiental anunciada.

Prof. Sivanildo da Silva Borges
Pós-doutor em Química pelo Centro de Energia Nuclear na Agricultura – USP.


terça-feira, 20 de outubro de 2009

Encerramento da Oficina d'A Outra


Cena da mostra da oficina - Foto Cell Dantas

Acabou na última sexta-feira a Oficina de Iniciação Teatral d'A Outra Companhia de Teatro.
O grupo ministrou um curso com duração de um mês através do projeto A Outra Companhia 2008, que tem o apoio finançeiro do Fundo de Cultura do Estado da Bahia.
Foi uma turma cheia em todos os sentidos. Cheia de gente, cheia de talentos. Os alunos se entregaram ao processo e construiram, com base em jogos e improvisações, personagens engraçadíssimos que juntos viviam uma divertida história de um concurso de calouros.

Luiz Antônio Jr. falando com a platéia sobre o curso - Foto Cell Dantas

A mostra aconteceu no passeio público com a platéia lotada. Foi um sucesso!
E A Outra não para!
Após ministrar a oficina o grupo voltou a sala de aula, só que dessa vez como aluno.
No sábado começou uma oficina com Alexandre Luis Casali. O curso tem por objetivo capacitar os artistas d'A Outra através do universo da palhaçaria. E estréia amanhã, Arlequim - servidor de dois patrões, a montagem que este anos está comemorando cinco anos será apresenta todas as quartas e quintas,às 15 horas no Passeio Público, até 19 de novembro.
Todas essa ações têm:

segunda-feira, 19 de outubro de 2009

96 anos de Vinicius



A Vila do Choro de hoje faz homenagem a Vinicius de Morais. Há exatos 96 anos nascia o poetinha que escreveu seu nome e alcunha na história da literatura e da música brasileira. Inclusive no Chorinho.

A homenagem é comandada pelo Coronel Campos - grande entusiasta do choro no Vila, desde os tempos da Roda de Choro. Ele, que vem ao teatro toda segunda-feira, argumenta que "foi aqui no Vila que o poetinha fez sua primeira apresentação em Salvador, com o show intitulado 'VINICIUS - bendito sois entre as mulheres', e nada mais justo do que na Roda de Choro prestarmos essa justíssima homenagem a ele que também foi um "chorão".

Como em toda boa roda de Choro, programadas mesmo estão apenas 4 músicas e o tema "Vinicius - 96 anos" para as improvisações, além do encerramento da noite com Se todos fossem no mundo iguais a você, com direito a coro da plateia.

Em tempo: reza a lenda que foi no Vila que Vinicius teria visto Gesse Gessy pela primeira vez e por ela se enamorado. Será que é verdade?



sábado, 17 de outubro de 2009

Continuam abertas as inscrições!

É isso mesmo!

As inscrições para as oficinas de dança para crianças continuam abertas! As modalidades são: Ballet e Capoeira! E as aulas acontecerão no Teatro Vila Velha, sempre no final da tarde - das 16 as 17:30h.

Se seu filho, sua irmã, seu afilhado, sua prima ou sua sobrinha, tem uma grande vontade de dançar e tem idade entre 07 e 10 anos - não perca tempo traz na segunda-feira aqui no Teatro Vila Velha as 15:30 para fazer a inscrição e já começar a aula. Se não conseguir na segunda, entra em contato com a gente através do e-mail nucleoviladanca@gmail.com, envia os dados básicos da criança e de seu responsável, e tudo pronto!

Esta ação integra o projeto de manutenção do Núcleo Viladança que tem o patrocínio da Petrobrás - Governo Federal - Brasil um país de todos!

Não perca tempo! as vagas estão quase todas preenchidas!

sexta-feira, 16 de outubro de 2009

Acabando também!



Amanhã, dia 17/10, acontece a partir das 17:30, no JAM do MAM, a mostra da Oficina de Teatro ministrada por Thiago Enoque.

Na oficina que também teve a duração de um mês, foi produzida em parceria por Thiago Enoque e A Outra, e aconteceu aos sábados e domingos aqui no Vila foram trabalhadas as técnicas básicas de teatro, palhaçaria, comédia e teatro físico.

Nesta mostra os alunos levaram para o MAM os personagens construídos ao longo do curso, apresentaram suas histórias, interagindo com o público de uma forma divertida e bem humorada.
Então não perca!

Amanhã, a partir das 17:30, encontro marcado no JAM do MAM com a mostra da Oficina de Teatro ministrada por Thiago Enoque.

Acabando!


O fim de semana chega com resultados de oficinas aqui no Vila. Daqui a pouquinho, por volta das 16:30, começa no passeio público a mostra da Oficina de Teatro d'A Outra Companhia.

No curso que teve a duração de um mês foram trabalhados os elementos básicos do teatro ao modo d'A Outra Companhia. Os integrantes do grupo se revezaram, conduziram a oficina que hoje será apresentada uma divertida história construída com base em improvisações.

Esta oficina integra o projeto A Outra Companhia 2008, que prevê ações continuadas d'A Outra Companhia até janeiro de 2010. O projeto tem o apoio financeiro do Fundo de Cultura do Estado da Bahia / Governo da Bahia / Secretaria da Cultura / Secretaria da Cultura.
Para quem quiser ver, ainda dá tempo!

Hoje, às 16:30, no Passeio Público, Mostra da Oficina d'A Outra.

Evoé, Vila!



É com imensa alegria que dividimos com você esta ótima notícia:

O Ministério da Cultura acaba de nos informar que o Teatro Vila Velha vai ser condecorado com a "Ordem do Mérito Cultural" - título concedido pela relevância do trabalho desenvolvido para a cultura.

No dia 25 de novembro, dois representantes do Vila vão ao Rio de Janeiro para receber a condecoração.

Alegria!

Axé!

Evoé!

Oficina Teatro Físico

quinta-feira, 15 de outubro de 2009

Viladança encerra maratona de "Da Ponta da Língua" no Ceará




III Conferência Municipal de Cultura


Com tema central “Cultura, Diversidade, Cidadania e Desenvolvimento”, e sob o lema “Salvador: Cultural Plural”, a III Conferência Municipal de Cultura terá o objetivo de coletar subsídios para a II Conferência Nacional de Cultura programada para Brasília, entre os dias 11 e 14 de março de 2010. Antes, porém, de 04 de outubro e 08 de novembro deste ano, acontecerão 26 Conferências Territoriais de Cultura em todo o país. As conclusões da III Conferência Municipal de Cultura serão apresentadas na Conferência Estadual de Cultura, que ocorrerá de 26 e 29 de novembro, em Ilhéus.

Palestras, debates, reuniões de grupos temáticos e eleição do Conselho de Cultura, constarão da programação da Conferência Municipal, que será encerrada com show musical. O diálogo sobre o sistema municipal de Cultura, a partir da realidade local, envolvendo artistas, produtores, gestores, pesquisadores, investidores e demais protagonistas da cultura e a escolha de delegados municipais para a Conferência Territorial, são partes integrantes do evento que também abordará a produção de arte valorizando a diversidade cultural de Salvador.

A Economia Criativa como estratégia de desenvolvimento, a cidade como espaço de produção, intervenção e trocas culturais e a garantia de direitos e acesso a bens culturais, são assuntos já pautados para discussão durante a III Conferência Municipal de Cultura. Também a Cultura como elemento de inclusão social e o financiamento desta junto com a cadeia produtiva, serão tópicos de destaque do encontro, que irá contribuir para o fortalecimento do movimento artístico cultural e a participação social no campo da cultura.


Informações da Secom.

INSCRIÇÕES ATÉ HOJE!

ainda dá para mandar seu email...

Arte e Juventude no Aprovado


O programa “Aprovado” deste sábado traz a debate o tema Juventude, Cultura e Cidadania, com entrevistas em VT e estúdio. O ministro da Cultura, Juca Ferreira, conversou com o apresentador Jorge Portugal sobre as políticas que vêm sendo adotadas no setor, sobretudo as voltadas para o público jovem.

Os dados sobre a falta de acesso à cultura são alarmantes: cerca de 74% dos jovens brasileiros nunca foram ao teatro e metade da população jovem brasileira nunca foi ao cinema. “Ficamos impressionados quando tomamos conhecimento desse apartheid cultural”, lembra o ministro.

O debate no sábado tem como convidados Paulo Miguez - professor da Ufba, Vladimir Meira - presidente da UNE, Joselito Crispim - fundador da ONG Bagunçaço, e Débora Landim - encenadora e arte educadora, dentre outros.


quarta-feira, 14 de outubro de 2009

Oficina de Teatro Físico

Grupo Vilavox promove Oficina de Teatro Físico com o diretor Bernhard Bub, do Antagon Theater AKTion (Alemanha)

O Grupo Vilavox e o Antagon Theater AKTion (Alemanha) promovem Oficina de Teatro Físico, com Bernard Bub, diretor artístico do grupo germânico. O workshop é focado em atores, performers, dançarinos e estudantes de Artes Cênicas e acontece de 19 a 23 de outubro, das 19h às 22h, no Teatro Vila Velha. Inscrições e informações pelo telefone (71)3083-4616, das 9 às 12 e das 14 às 18h.


Bernhard Bub vai partilhar com os artistas baianos um pouco da experiência acumulada ao longo de 20 anos de trajetória do Antagon Theater AKTion, um dos principais grupos experimentais da Alemanha moderna.

O artista, que teve contato profissional com Jerzy Grotowski, com o Teatro Butô, o Teatro Livre de Julian Beck, vai partilhar um pouco da sua experiência criativa em sala de aula, tendo foco no trabalho artístico coletivo. As aulas estimularão a expressividade do intérprete, o Teatro Físico, a presença em cena, além de envolver técnicas consideradas como fundamentais, como a visão periférica, intenção/qualidade de movimento, emoção, confiança e autenticidade.

Embora o foco seja na qualidade de criação em grupo, a expressividade individual será valorizada e a experiência de Bub é fazer o ator buscar seu próprio potencial e natureza, dentro desse coletivo. O Workshop vai culminar com uma perfomance coletiva, e levá-la para onde a vida acontece: nas ruas da cidade.

Esta é a quarta Oficina de Intercâmbio promovida pelo Grupo Vilavox em 2009, que este ano já realizou cursos com Fábio Vidal, Companhia do Latão e Teatro da Vertigem.

Para conhecer mais sobre o Antagon, acesse www.antagon.de.

Oficina de Teatro Físico
Bernard Bub (Antagon Theater, Alemanha)
de 19 a 23/10 - das 19 às 22h
Investimento: R$150,00
Onde: Teatro Vila Velha

Produção: Grupo Vilavox
Contatos :
Cláudio Machado – 8153-0089
Mônica Santana – 9118-5501
Vilavox – 3083-4616/ voxproducao@gmail.com

Inscrições até sexta!

OFICINAS DE DANÇA PARA CRIANÇAS
Gratuita

BALLET
com Janahina Santos,
segundas e quartas
16h às 17h30

CAPOEIRA
com Mestre Comprido
terças e quintas
16h às 17h30

INSCRIÇÕES:
5 a 15 de outubro
através do email: nucleoviladanca@gmail.com
* É preciso enviar o nome da criança, nome dos pais (com RG dos dois), endereço, data de nascimento da criança, Instituição onde ela estuda e série que cursa, e a modalidade escolhida.

vagas para cada modalidades: 15
idade: entre 7 e 10 anos
período das aulas: 19 de outubro a 19 de dezembro
* finalizando com uma mostra de resultados, na manhã de 19 de dezembro, para os pais, familiares, amigos e interessados.

sexta-feira, 9 de outubro de 2009

O Bando na Ilha do Amor


Dando continuidade a seu mais novo projeto, intitulado Respeito Aos Mais Velhos, os integrantes do Bando de Teatro Olodum estão em São Luiz do Maranhão.

Vindo de Fortaleza participando da nona edição do Festival Brasileiro de Teatro, em seis apresentações nesta cidade, o Bando levou ao teatro mais de cinco mil espectadores para assistir Cabaré da Raça, Áfricas e Ó Paí, Ó. Todas as sessões lotadas!

Rumo à nova montagem com estréia prevista para 2010, o trabalho de pesquisa que o grupo vem realizando tem seu ponto alto nos encontros com os membros mais velhos das comunidades marcadas pela presença do povo negro.

Na Ilha, O Bando foi generosamente recebido por três líderes religiosos na presença dos quais os atores e diretores do grupo se deixaram conduzir pelos caminhos do conhecimento ancestral:
Pai Euclides, sacerdote do Fanti-Ashanti, D. Maria Sete Flechas sacerdotisa do Terecô e D. Deni da Casa das Minas.

Zebrinha sentado aos pés de Dona Maria do Terecô - foto: Jorge Washington

Em torno dos sacerdotes o grupo ouviu histórias que ajudam a entender o percurso realizado por aqueles que guardam e mantém vivas as nossas tradições religiosas.

Nesses momentos mágicos, em que todo o Bando teve o privilégio de ouvir e aprender, vale destacar os aspectos variados com que o Candomblé se apresenta nas diferentes nações representadas por esses líderes.

Também em São Luiz, O Bando encontrou pensadores e intelectuais negros como o Professor Doutor Carlos Benedito (Carlão), da UFMa com quem conversou sobre a cultura Maranhense e a inserção do negro nesse contexto.

Certos de que não é possível pensar em ancestralidade sem respeitar e ouvir os nossos mais velhos o Bando segue e o trabalho continua... O exercício de ouvir e guardar vai formando, em cada um e em todos, um valioso patrimônio de conhecimento.

Quinta-feira, 08/10/2009, 19:15h
direto da Ilha de São Luiz,
popularmente conhecida como “Ilha do Amor”.

a mobilização continua e precisa de você


Amigos,

Venho trazendo informações sobre o desenrolar da questão das usinas termoelétricas.

Na sexta, dia 02/10, o CEPRAM - Conselho Estadual do Meio Ambiente - devido à mobilização que está ocorrendo, decidiu adiar a votação sobre a implantação das duas termoelétricas previstas para o município de Sapeaçu.

A nova data da votação é 29 de outubro.

Foi marcada também uma audiência pública para o dia 19 de outubro, a partir das 9h da manhã, no município de Sapeaçu.

No dia 02, última sexta-feira, o CEPRAM alterou a ordem da pauta da reunião e tratou do tema das termoelétricas (previsto para ser o último ítem da reunião) logo pela manhã. Já havia chegado lá um dos ônibus vindos do recôncavo com pessoas dispostas a protestar contra a implantação das usinas na região.

No entanto, mais tarde (no horário previsto para a votação divulgado pelo CEPRAM), chegaram mais 3 ônibus da região e também Dr. Sivanildo Borges, pós-doutor em química pela USP e uma das lideranças do movimento Termoelétricas Jamais, que, portanto, não teve a oportunidade de ser ouvido na reunião do CEPRAM.

Por volta das 16h, os integrantes do Movimento interromperam por cerca de meia hora a Av. Paralela, sentido Iguatemi, com grandes faixas e banners, no intuito de dar maior visibilidade à questão, que apesar de tão séria, não têm recebido a devida cobertura da imprensa. Na ocasião, estiveram registrando o acontecimento repórteres de um jornal de grande circulação no estado e de uma tv, também com excelente amplitude de audiência.

Como vocês podem notar, apesar da cobertura mencionada, o evento não foi divulgado nem através do referido jornal, nem da emissora de tv.

Vocês podem conferir nos links ao final desta mensagem as fotos que foram publicadas na Agência Globo.

Dia 29 (melhor chegarmos cedo...) acontecerá a votação. Se a mobilização não for ainda maior, dificilmente conseguiremos um resultado positivo. Vamos lá.

Beijos,

Iara Colina.

Vejam algumas das fotos do movimento de sexta em SSA e repassem. Como se pode reparar, foram publicadas pela globo:


http://www.agenciaoglobo.com.br/ui/fotosDia/Print.aspx?id=71182

http://www.agenciaoglobo.com.br/ui/fotosDia/Print.aspx?id=71183

http://www.agenciaoglobo.com.br/ui/fotosDia/Print.aspx?id=71184

trilhas com Ataualba


CURSO DE TRILHAS

para tv, teatro e cinema

com Ataualba Meirelles

para informações acessem

até o fim do dia...

AMANHÃ DE MANHÃ
a caixa de entrada
do projeto Vilad'água
será aberta

Dá tempo de mandar
sua participação
até o fim do dia de hoje

DATA DE AMANHÃ NÃO VALE MAIS!

o teatro vila Velha convida fotógrafos e poetas baianos
profissionais e amadores
a encaminhar fotografias e poesias
com o tema
água

O projeto Vilad'água vai selecionar 6 imagens e 6 poesias
para a confecção de postais
de distribuição gratuita
a partir do mês de novembro

mande seu material para

De volta Hoje!


Que lembranças você tem de seu pai? Que memórias você vai deixar para seu filho? Estas são perguntas que o solo A Canoa, que retorna a cartaz no dia 9 de outubro, ás 20h no Teatro Vila Velha, suscita no espectador. Após sua primeira temporada em agosto e participação bem sucedida no II Festival Latino Americano de Teatro da Bahia, a peça retorna a cartaz e faz novas apresentações até 18 de outubro, de sexta a domingo. A produção é da Groove Estúdio Teatral e a direção é de Cláudio Machado e Jacyan Castilho. O texto é criação conjunta de ambos, com contribuição dos amigos Paula Lice e Daniel Farias.

A canoa
Cabaré dos Novos
20h
r$16/ r$8

quinta-feira, 8 de outubro de 2009

Viladança no primeiro fim de semana do Vilerê


SÓ ATÉ AMANHÃ!




Até o dia 09 de outubro
o teatro vila Velha convida fotógrafos e poetas baianos
profissionais e amadores
a encaminhar fotografias e poesias
com o tema
água

O projeto Vilad'água vai selecionar 6 imagens e 6 poesias
para a confecção de postais
de distribuição gratuita
a partir do mês de novembro

mande seu material para

Supersimples

APROVADA a redução de imposto para investidores em CULTURA
(Comunicação Social/MinC)

A Câmara dos Deputados aprovou nessa quarta-feira, 7 de outubro, o Projeto de Lei nº 468/2009, que altera a forma de tributação dos produtores culturais no chamado Supersimples. O projeto autoriza a redução de impostos para as empresa de produção artística e cultural e as produtoras cinematográficas e audiovisuais e enquadra essas empresas em faixas de tributação com índices menores no regime diferenciado.

O ministro da Cultura, Juca Ferreira, disse que é um reconhecimento de que a Cultura tem contado com o Congresso para o enfretamento de seus problemas. “Foi muito importante que o Congresso Nacional tenha retificado e incorporado as empresas culturais no Supersimples, porque se não tivessem feito isso inviabilizaria boa parte dessas empresas”.

Para o secretário executivo do MinC, Alfredo Manevy, essa é uma conquista importante para o desenvolvimento da economia da cultura no país. “É preciso fortalecer as empresas culturais do Brasil, que são base de uma economia da cultura que gera mais de 5% da mão-de-obra ocupada. Essa aprovação também mostra o quanto o Ministério tem se empenhado em fazer da agenda cultural no Congresso uma prioridade absoluta de sua articulação política”, afirma.
Atualmente, essas empresas são tributadas em 17,5%. Com a aprovação do projeto será permitido que as empresas de produção artística e cultural e as produtoras cinematográficas e de audiovisuais sejam tributadas com base em índices que variam de 4,5 % a 16,8 %.

O texto segue agora à apreciação do Senado Federal.

Leia também: Ministro da Cultura pede alteração na forma de tributação para produtores culturais.


Fotografia no Cotidiano

MAM promove oficina de fotografia para iniciantes

O Museu de Arte Moderna da Bahia - aquele do Solar do Unhão, oferece neste fim de semana (10 e 11 de outubro) a oficina Registros Cotidianos, facilitada pelo fotógrafo e mestre em artes visuais Edgard Oliva. Para pessoas com ou sem experiência em fotografia.

O trabalho acontece no Galpão de Oficinas do MAM, a partir das 14h nos dois dias.

Os participantes da oficina deverão levar os seus equipamentos fotográficos.

Mais informações:
(71) 3117-6137 - telefone do MAM

Editais de Cidadania Cultural



EDITAL PRORROGADO

Bolsa de Intercâmbio Cultura Ponto a Ponto
- Inscrições prorrogadas até 22 de outubro

A proposta do edital é promover a convivência direta entre os representantes dos Pontos de Cultura, o que permite ampliar a troca de conhecimentos e o fortalecimento da rede. A Bolsa de Intercâmbio Cultura Ponto a Ponto vai selecionar 50 propostas entre dois Pontos de Cultura de cidades diferentes. Cada Ponto terá de indicar dois bolsistas, totalizando quatro por projeto.

Edital e anexos


--
EDITAIS EM VIGÊNCIA

Bolsa Agente Cultura Viva 2009
Prazo: 30 de outubro
Edital e anexos


Prêmio Pontos de Valor
Prazo: 30 de outubro
Edital e anexos


Prêmio Estórias de Pontos de Cultura
Prazo: 29 de outubro
Edital e anexos


O Vila Velha também é Ponto de Cultura!